Publicidade Topo

notícias

População pode auxiliar autoridades com informações pelo Disque Denúncia 181

8ª Cia repassou cartilha de divulgação para a imprensa com objetivo de esclarecer quais denúncias podem ser feitas. Corporação garante sigilo do denunciante/Texto: Karin Franco

Cartilha repassada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública visa contribuir para que ocorra a prisão de criminosos, apreensão de produtos ilícitos ou averiguação de pessoas que possam estar em situação de vulnerabilidade. Foto: Divulgação
No Paraná, a sociedade pode contribuir com informações anônimas pelo Disque Denúncia 181. Por esse motivo, a 8ª Cia da Polícia Militar de Irati repassou uma cartilha de divulgação para a imprensa com objetivo de esclarecer quais denúncias podem ser feitas. 

Na cartilha, a corporação enfatiza que as denúncias anônimas auxiliam as autoridades de segurança na investigação de crimes, contribuindo para que ocorra a prisão de criminosos, apreensão de produtos ilícitos e averiguação de pessoas em vulnerabilidade. O Disque Denúncia 181 é um programa da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Paraná (SESP-PR) que possibilita o sigilo da denúncia e encaminha as informações para diversos órgãos do Estado.

As denúncias podem ser feitas pelo telefone ou pela internet. Pelo telefone, a pessoa liga para o número 181 e uma atendente recebe a denúncia. As informações são inseridas no sistema da Central de Denúncias. Durante a ligação, a atendente extrairá o máximo de informações possíveis para registrar na denúncia.

No final da ligação, a pessoa recebe o número da denúncia e do protocolo. O denunciante poderá acompanhar o andamento da denúncia por meio do site www.181.pr.gov.br. As informações são repassadas para os órgãos competentes, de acordo com a natureza do delito. O atendimento pelo telefone ocorre nos sete dias por semana, das 8h às 23h.


Para que a denúncia seja feita em sigilo, um centro de tecnologia foi montado e opera com linhas digitais criptografadas (Voip – voz sobre IP) e Sistema online de compilação de dados e informações, com equipe treinada e capacitada no atendimento ao público em formato de call center.

Durante a ligação, o atendente não revela o nome nem solicita a identificação do denunciante. As ligações são feitas em linhas digitais e não são gravadas ou arquivadas.

As denúncias também podem ser feitas online, por meio do site www.181.pr.gov.br. No site, há um formulário no qual o denunciante faz sua denúncia. É o próprio cidadão que registra a denúncia que será avaliada pela equipe 181, podendo ser solicitada complementação. No final do processo, o denunciante também recebe o número da denúncia e do protocolo que serão usados para acompanhar a denúncia no site.

A complementação de informação deve ser feita dentro sistema. O denunciante recebe o aviso no sistema para que as informações sejam complementadas. As informações devem ser inseridas no sistema no prazo de 15 dias, contados da data de recebimento.

As denúncias registradas no site também são mantidas em sigilo e anonimato, sem a identificação dos IPs de computadores, tablets e celulares. O site ainda não solicita qualquer tipo de informação pessoal do denunciante, além de possuir criptografia de dados. O recebimento das denúncias no site é feito 24 horas por dia. Em caso de dificuldade na denúncia, é possível ligar para o 181 para ter atendimento.

Os denunciantes podem utilizar telefones públicos, fixos, celulares, tablets ou computadores de qualquer localidade do Estado do Paraná, com total segurança e sigilo, uma vez que as ligações não são gravadas e o número do denunciante não é identificado.

São aceitas denúncias que ajudem na investigação e averiguação de crimes. Informações como endereços, nomes de envolvidos e tipos de crimes ocorridos podem auxiliar as autoridades. O Disque Denúncia também pode ser usado para repassar informações que levem à localização de pessoas desaparecidas ou procuradas pela Justiça.

Quem quiser acompanhar a sua denúncia pode usar o número da denúncia e o protocolo para verificar como está o andamento. No site www.181.gov.pr.br, o denunciante acessa a aba “Acompanhamento”. É preciso preencher com o número da denúncia e protocolo de acompanhamento gerados pelo sistema após a finalização do atendimento por telefone ou via internet. Os números darão acesso ao sistema que indicará o andamento e se a denúncia precisa de alguma complementação.

Diversos crimes podem ser denunciados por meio do Disque Denúncia 181. Entre eles estão crimes de aparecimento ou ocultação de cadáver, comércio ilegal ou tráfico de armas de fogo e munições, cárcere privado, comércio de cerol/linha chilena, contrabando ou descaminho, descumprimento de isolamento do coronavírus, crime eleitoral, crianças ou pessoas desaparecidas, crime ambiental, crimes contra a saúde, crimes de internet, estelionato, fuga de presos (delegacia), furto, roubo ou latrocínio, homicídio, maus-tratos a animais domésticos, moeda falsa, racismo, roubos / furtos a caixas eletrônicos, trabalho análogo à escravidão, tráfico de drogas, violência contra crianças e adolescentes, pessoa idosa, mulher ou pessoa com deficiência.