Publicidade Topo

notícias

Iraty faz três gols em 15 minutos e vence Batel pelo Paranaense Sub-20

Azulão derrotou o time de Guarapuava, por 3 a 2, no estádio Municipal Abrahm Nagib Nejm. Essa foi a segunda vitória do time na competição estadual/Rodrigo Zub, com reportagem de Ademar Bettes

Iraty e Batel jogaram no estádio Municipal Abrahm Nagib Nejm na tarde de terça-feira, 7. Foto: Ademar Bettes

O Iraty conquistou a segunda vitória no Campeonato Paranaense Sub-20. O Azulão ganhou do Batel, de Guarapuava, por 3 a 2, no estádio Municipal Abrahm Nagib Nejm, em Irati, na tarde desta terça-feira, 7, em jogo válido pela quarta rodada da competição. Inicialmente, a partida seria realizada na sexta-feira, 3, mas foi adiada naquela oportunidade em função das chuvas registradas na semana passada.

A equipe comandada pelo treinador Marco Antonio teve um início avassalador sobre o Batel. Com 16 minutos do primeiro tempo, o Iraty estava vencendo por 3 a 0, com gols de França, Dentinho e Marcelinho, de pênalti. Porém, os visitantes reagiram e descontaram ainda na primeira etapa com Gabriel Hulk cobrando falta. No segundo tempo, Caio fez o segundo gol do Batel, mas não evitou a derrota. Nos minutos finais da partida, o Batel teve dois jogadores expulsos. Wellington e Lucas deixaram o campo aos 37 e 45 minutos do segundo tempo.


O Iraty iniciou a partida com Matheus Venâncio, Romano, Lucas, França e Pablo; Erick, Black, Dentinho e Marcelinho; Henrique e Lelinho. Já o Batel teve Guilherme Lemes, Edson, Felipe, Adilson e Helmer; Pablo, Juan, Gabriel e Junior. Pedro Arthur e Caio. O árbitro do jogo foi André Felipe Olivério, de Ponta Grossa. Ele foi auxiliado por Marco Antônio dos Santos Pepe, de Irati, e Ricardo Alexandre dos Santos, de Curitiba. O assistente foi Ake Brandalize, de Irati.

Em entrevista à Najuá após o jogo, o técnico do Azulão ressaltou que as partidas da categoria Sub-20 são equilibradas e que seu time conseguiu colocar em prática o que havia treinado. “Essa categoria é muita força. Nós tivemos muita disposição e colocamos nosso ritmo que a gente tinha treinado durante a semana. Em 15 minutos, 3 a 0 para nós e tinha que trabalhar a cabeça da molecada. É difícil cada um tem sua personalidade, alguns dão uma esfriada achando que 3 a 0 já está ganho e tal. O Batel é uma excelente equipe, se assustaram 15 minutos com 3 a 0, mas depois se impôs tiveram equilíbrio e foram para cima. Conseguimos sustentar, tivemos mais oportunidades para liquidar o jogo 4 a 1, 5 a 2, mas é jogo de estratégia, conseguimos suportar”, comemora Marco Antonio.

O treinador lamentou as chances desperdiçadas, que se fossem convertidas em gols poderiam dar mais tranquilidade para o time conquistar a vitória. “Suportamos e tivemos chances de fazer. Achei que faltou um pouco mais de qualidade na finalização, um pouco mais de tranquilidade, porque se a gente mata no contra-ataque, a gente mataria o jogo. Os meninos estão de parabéns se doaram muito, correram, essa vitória é deles e estão de parabéns pelo que tem mostrado”.

Marco Antonio teve alguns desfalques no jogo contra o Batel. O zagueiro Emanuel, que é capitão da equipe, se machucou na rodada passada contra o Coritiba e não entrou em campo. Já o volante Renan estava cumprindo suspensão automática após receber três cartões amarelos. Ele deve retornar ao time na próxima rodada contra o Operário, em partida marcada para sexta-feira, 10, às 15h, no CT da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), em Ponta Grossa. Para esse confronto, o técnico do Iraty espera contar com outros atletas que vão reforçar o elenco. João Santos e Clebson aguardam a inclusão dos nomes no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para estrearem. Já o atacante Diego, que jogou a Copa São Paulo de Futebol Junior pelo Operário e se desligou do time de Ponta Grossa, e o meia canhoto Deco, estão se condicionando fisicamente para poder atuar pelo Azulão no Campeonato Paranaense Sub-20.

Com a vitória, o Iraty assumiu a terceira posição do grupo B com seis pontos. Já o Batel ainda não pontuou e ocupa a última colocação da chave. O Independente São-Joseense lidera o grupo com dez pontos. O Coritiba é o segundo colocado com nove pontos.

Representantes e profissionais de imprensa durante jogo Iraty x Batel. Foto: Ademar Bettes

Jogadores do Iraty antes do início da partida. Foto: Ademar Bettes