Publicidade Topo

notícias

Moradora de Irati morre afogada em Guaratuba

Corpo de Maria Marta Badluk Berger, de 44 anos, foi encontrado por banhistas. Vítima foi resgatada e levada até a faixa de areia, mas acabou falecendo

Bombeiros realizaram trabalho de reanimação, mas a vítima acabou falecendo. Foto: BPMOA

Uma moradora de Irati morreu afogada em Guaratuba, no litoral do Estado. O corpo de Maria Marta Badluk Berger, de 44 anos, foi identificado na manhã de segunda-feira, 28. Ela estava desaparecida desde a manhã de quinta-feira, dia 24. Neste dia, o corpo da iratiense foi encontrado por banhistas boiando no mar do balneário Brejatuba I, em Guaratuba.

Familiares da vítima estiveram na sede do Instituto Médico-Legal (IML) em Paranaguá para fazer o reconhecimento do corpo, que foi liberado para velório e sepultamento em Irati. Segundo a Polícia Civil do Paraná, a identificação ocorreu através de perícia necropapiloscópica, na sexta-feira, 25. Para fazer a perícia houve uma coleta das impressões digitais. Posteriormente, foi realizado o confronto do material com dados cadastrais armazenados que resultou no reconhecimento do corpo da vítima. A Polícia Civil segue investigando o caso a fim de esclarecer o fato.


Segundo informações da Folha do Litoral News, os frequentadores do balneário Brejatuba acionaram as equipes de socorro após perceberem que havia um corpo boiando próximo a faixa de areia. As buscas do Corpo de Bombeiros tiveram apoio do batalhão da Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA). 

A mulher foi resgatada e levada até a faixa de areia, onde começou o trabalho de reanimação cardiopulmonar seguindo os protocolos de atendimento as vítimas submersas. Após alguns minutos de atendimento, o Corpo de Bombeiros constatou a morte da vítima, que não respondeu aos procedimentos. Conforme a Folha do Litoral News, a região onde o corpo apareceu boiando fica perto de pedras e não é protegida por guarda-vidas do Corpo de Bombeiros.