Publicidade Topo

notícias

Fernandes Pinheiro reabre cadastro para transporte universitário gratuito

Estudantes de Fernandes Pinheiro, que farão cursos técnicos e superiores em 2022 em outras cidades, terão até sexta-feira (28) para fazer o cadastro presencialmente/Karin Franco, com reportagem de Rodrigo Zub

Imagem da prefeitura de Fernandes Pinheiro (foto) que investirá aproximadamente R$ 600 mil para custear transporte universitário em 2022. Foto: Jussara Harmuch

A Secretaria de Educação de Fernandes Pinheiro continua na próxima semana o cadastro para estudantes que vão utilizar o transporte universitário gratuito. O cadastro é voltado para pessoas que farão cursos técnicos e superiores em 2022 em outras cidades. O período para cadastro inicia presencialmente na segunda (24) e segue até sexta-feira (28).

O cadastro já havia sido aberto nesta semana entre segunda e quarta, mas nem todos os estudantes procuraram a secretaria de Educação. De acordo com o secretário responsável pela pasta, Sérgio Gomes, a expectativa é que entre 120 e 150 alunos participem do programa que fornecerá transporte gratuito. “Esse número de alunos beneficiados pode variar porque nesta semana foram três dias de cadastro. O pessoal ficou ainda com receio e alguns deixaram para o último dia, pois faltava documentação. Eu também estava em isolamento só conversando por celular. Semana que vem vamos intensificar esse cadastro para estar apurando o número exato desses alunos. Porque na primeira semana de fevereiro já iniciam as aulas”, diz secretário de Educação.

Os documentos exigidos para o cadastro são: cópia do RG e do CPF do aluno e do responsável, declaração de matrícula atualizada e comprovante de residência. A Secretaria de Educação fornecerá uma ficha de cadastro para ser anexada aos documentos e que deverá ser preenchida presencialmente na Secretaria. Não serão aceitos documentos parciais, com rasuras ou cópias ilegíveis.


No caso de menores de 18 anos, o cadastro deverá ser preenchido pelos pais ou responsáveis. Para os demais, o cadastro pode ser feito pelos próprios estudantes.

Os documentos deverão ser entregues na Secretaria de Educação de Fernandes Pinheiro, entre 8 e 12 h e das 13 às 17 h, até sexta-feira (28). A Secretaria de Educação de Fernandes Pinheiro está localizada na Rua Padre Guido, número 150, ao lado do Ginásio de Esportes. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 9-9119-5501.

A prefeitura de Fernandes Pinheiro investirá aproximadamente R$ 600 mil em recursos livres do caixa do Executivo no transporte universitário gratuito.

A contratação da empresa que fará o transporte será realizada por meio de uma licitação. A prefeitura chegou a fazer uma licitação na quarta-feira (19), mas não houve participantes. O edital será publicado novamente com a previsão da nova licitação ser realizada no dia 3 de fevereiro.

O edital foi realizado após a Secretaria de Educação fazer uma cotação com as empresas que mandaram orçamentos. No entanto, nenhuma empresa participou da licitação que conta com um lote com cinco linhas.

O transporte universitário totalmente gratuito faz parte de um esforço da prefeita Cleonice Schuck em custear 100% das despesas com esses serviços. O movimento para ajuda aos estudantes começou em 2017, primeiro ano da administração da prefeita, quando a Secretaria disponibilizou transporte gratuito aos alunos com interesse em estudar em Palmeira no Colégio Estadual de Educação Profissional Agrícola Getúlio Vargas.

Além de Palmeira, o transporte atendia a cidade de Irati nos Colégios SESI, SENAC, Duque de Caxias, Antonio Xavier da Silveira, CEEBJA, João XXIII, IFPR, Colégio Florestal e Unicentro, nos turnos da manhã, tarde e noite.

Em 2019, foi criada a Associação dos Estudantes no Munícipio de Fernandes Pinheiro que contratou a empresa que fazia o transporte para as cidades. Para ajudar no custeamento, a Prefeitura de Fernandes Pinheiro repassava um valor que representava 86% do custo com o transporte que a associação possuía. O restante do valor era pago com recursos da associação.

Agora, o município de Fernandes Pinheiro deverá custear integralmente o transporte universitário.