Publicidade Topo

notícias

Acidentes deixam três feridos em rodovias da região

Um acidente envolveu dois carros na BR-277, em Fernandes Pinheiro. Já uma criança foi atropelada por um caminhão na BR-376, em Ponta Grossa

Acidente ocorreu no trevo que dá acesso ao distrito de Angaí. Foto: PRF/Divulgação

Dois acidentes foram registrados em rodovias da região nesta quarta-feira, 3. Na BR-277, em Fernandes Pinheiro, um veículo Fiat Palio obstruiu a passagem de um Fiat Uno no trevo que dá acesso ao distrito de Angaí, no quilômetro 222 + 800 metros da rodovia, por volta das 8h40. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista do Palio vinha do Angaí e cruzou a rodovia para seguir em direção ao município de Irati. Já o Fiat Uno transitava sentido Curitiba.

O motorista do Fiat Uno, que reside em Maringá e possui 54 anos, sofreu ferimentos graves. Já a passageira do Palio, de 62 anos e que mora em Teixeira Soares, teve lesões leves. Ela é mãe do condutor. As duas pessoas feridas foram encaminhadas para a Santa Casa de Irati. Conforme a PRF, a pista ficou com o trânsito lento no período de aproximadamente uma hora e meia.


Já na BR-376, em Ponta Grossa, uma menina, de 11 anos, foi atropelada no quilômetro 476 da rodovia no início da noite de quarta-feira, 3, por volta das 18 h. De acordo com informações apuradas pela PRF, a criança estava acompanhada de outras três estudantes e uma mulher. Os alunos haviam acabado de desembarcar de um ônibus escolar. Enquanto isso, a mulher estava aguardando no local. Porém, a vítima optou em atravessar a rodovia sozinha e foi atingida por um caminhão Mercedes Benz, com placas de Santa Catarina. A criança recebeu atendimento do Corpo de Bombeiros e sofreu ferimentos moderados. Ela foi levada para o hospital da Criança.

O condutor do caminhão parou e acionou socorro médico. Ele realizou teste do bafômetro com resultado negativo para consumo de álcool. A documentação do motorista e do caminhão não apresentavam irregularidades.

Acidente deixou duas pessoas feridas na BR-277, em Fernandes Pinheiro. Foto: PRF