Publicidade Topo

notícias

Homem morre com tiro disparado pela ex-mulher

Mulher disse que estava sendo ameaçada e perseguida pelo ex-marido. No dia anterior ao crime, moradora havia registrado Boletim de Ocorrência de ameaça contra o homem

Corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Ponta Grossa (foto), que voltou a funcionar na antiga sede após mais de dois anos com atendimentos em contêineres. Foto: RPC/Divulgação 

Um homem morreu em Teixeira Soares após ser atingido com um tiro efetuado por sua ex-mulher. O fato ocorreu após um desentendimento entre os dois no fim da noite de domingo, 10. O homem foi atingido no peito e encontrado caído na cozinha da casa. Uma enfermeira esteve no local e constatou o óbito.

A autora do disparo informou à Polícia Militar que a espingarda usada para realizar o tiro estava sobre a mesa com dois cartuchos deflagrados. Ela também relatou que foi casada por 14 anos com a vítima. Porém, eles estavam separados há alguns meses. A mulher afirmou que o ex-marido não aceitava a separação e passou a persegui-la depois que soube que ela tem um outro relacionamento. A moradora ainda disse que sofria ameaças do ex.


Ontem, por volta das 23h30, o homem até a casa da ex-mulher dizendo que queria conversar e arrombou a porta do imóvel com um chute. Em seguida, ele empurrou a moradora contra a parede e pegou uma faca que estava na cozinha dizendo que ia matá-la. Neste momento, a mulher atirou contra o ex-marido. A autora do disparo relatou aos policiais que, ao perceber a chegada do ex-marido em sua residência, ficou com a espingarda pronta para atirar. A irmã da moradora acionou a PM.

Policiais de Fernandes Pinheiro prestaram apoio no isolamento do local do crime até a chegada de um agente do Instituto Médico-Legal (IML), que recolheu o corpo da vítima.

Segundo a PM, a moradora de Teixeira Soares havia registrado um Boletim de Ocorrência de ameaça contra o ex-marido, no sábado, 9. A autora do disparo, a espingarda e os cartuchos encontrados na casa foram encaminhados para a Delegacia de Teixeira Soares. A mulher não relatou a procedência da espingarda.