Publicidade Topo

notícias

Rebouças registra aumento no número de casos ativos de Covid-19

Em uma semana, cidade passou de 18 para 62 casos ativos. Atualmente, três pessoas diagnosticadas com a doença estão internadas

Boletim de coronavírus divulgado na quinta-feira, 9, em Rebouças. Foto: Divulgação

A cidade de Rebouças apresentou um crescimento de casos de coronavírus nos últimos dias. O município passou de 18 casos ativos no dia 2 para 62 uma semana depois. Somente no dia 3 foram confirmados 19 novos casos da doença.

Nesta quinta-feira, duas pessoas foram diagnosticadas com a infecção. Desde o início da pandemia, 1.773 casos de Covid-19 foram registrados na cidade. Desses, 42 moradores faleceram e 1.699 se recuperaram. 28 pessoas aguardam resultado dos testes.

O responsável pelo setor de Vigilância Epidemiológica, Aguinaldo Antonio Hurbik, diz que ficou surpreso com o aumento de casos tanto em exames de antígeno realizado em laboratórios particulares, bem como de pacientes que realizam coletas no hospital Dona Darcy Vargas ou na unidade da Vila Operária, que é destinada para atender pessoas com sintomas suspeitos da infecção.


“Fato é que daquele dia para cá [dia 3], nós passamos de 16, 18 casos positivos para 62 casos ativos no município. Isso nos deixa preocupados porque nós temos dentro desses casos ativos uma porcentagem mesmo que seja pequena, ela demanda internamento hospitalar, os nossos pacientes são encaminhados para nossa unidade hospitalar. Quando não estão passando muito bem vão de lá para a Santa Casa, que é referência de Covid. Hoje nós temos três pacientes hospitalizados, dois na Santa Casa e um em outro município. Sempre estamos falando para a população seguir os protocolos de segurança e acreditamos que essas contaminações são relacionadas a aglomerações. É evidente isso sobre as reuniões familiares, porque nós temos bastante famílias positivas”, afirma Aguinaldo.

A média de idade dos casos ativos de coronavírus em Rebouças é de 32 anos. Segundo Aguinaldo, 40 pessoas já haviam tomado pelo menos uma dose da vacina, o que corresponde a 64,51% do total de casos ativos. Já a porcentagem de pessoas hospitalizadas está em 4,82%. 

O responsável pelo setor de Vigilância Epidemiológica também pede para as pessoas tomarem a vacina da Covid-19, pois avalia que ela é a única forma de controlar a transmissão e o agravamento de casos de coronavírus. Até quarta-feira, 8, Rebouças havia aplicado 9.865 doses, sendo 4.239 da AstraZeneca, 2.522 da Coronavac, 2.890 da Pfizer e 284 da Janssen (dose única). Aproximadamente 85,1% da população de Rebouças apta para receber a primeira dose já foi imunizada, segundo dados do setor de Epidemiologia. São 4.389 reboucenses com esquema completo de vacinação.

Quem apresentar sintomas de coronavírus deve procurar a unidade da Vila Operária de segunda a sexta-feira das 8 às 12 e das 13 às 17h. Nos finais de semana, a população deve se dirigir ao hospital Dona Darcy Vargas.