Publicidade Topo

notícias

Mais de 20 mil kg de lixos recicláveis são recolhidos em arrastão da dengue em Teixeira Soares

Mais de 25 pessoas estiveram envolvidas na ação que visou eliminar focos do mosquito da dengue/Karin Franco, com reportagem de Rodrigo Zub e Paulo Sava

 
Mutirão da dengue aconteceu nos bairros Cohapar, Blumenau e Vila Nova, no Centro e nas comunidades de Bom Retiro e Guaraúna. Foto: Divulgação 

Os agentes de endemias de Teixeira Soares realizaram um “Arrastão da Dengue”, com diversas vistorias pelo município. O objetivo foi diminuir os possíveis criadores do mosquito da dengue. A vistoria foi realizada entre os dias 30 de agosto e 3 de setembro. Mais de 20 mil quilos de materiais recicláveis foram recolhidos durante o arrastão.  

Segundo o secretário de Saúde, Amauri Klossowski, mais de 25 pessoas estiveram envolvidas na ação. Desde o início do ano, o município registra 45 focos do mosquito. O município ainda não é considerado infestado, mas o secretário destaca que a ação quis prevenir que isso acontecesse. “Tem o potencial de ser infestado porque moramos, vizinhos de Irati e Imbituva, que tem uma tendência a mais para infestados. Junto com a equipe, junto com a sociedade, com as outras secretarias resolvemos fazer esse arrastão para mais uma vez proteger a nossa sociedade”, disse.


A equipe realizou a coleta de objetos que pudessem acumular água e virarem possíveis criadouros. “Nós não saímos em busca de focos do mosquito nesse dia, em si, de destruir ou recolher qualquer possível objeto que tenha potencial de acúmulo de água e possivelmente da larva do mosquito. Ficamos muito felizes com o resultado. Foi uma semana de trabalho. Um trabalho difícil, no sol, na chuva, um trabalho pesado. Esperávamos não encontrar tanto lixo na nossa cidade. Mas, infelizmente, foram mais de 20 mil quilos de lixos recicláveis”, conta.

O lixo reciclado foi enviado à cooperativa de lixo reciclável de Teixeira Soares. Já o entulho recolhido foi enviado à aterros.

Com a aproximação de um período mais quente, Amauri pede para que as pessoas estejam atentas aos seus quintais. “Eu peço para as pessoas que cuidem do seu terreno, cuidem do quintal. O caminhão de lixo, principalmente o reciclado, foi montado um caminhão de som para avisar o momento que está passando no nosso território para que as pessoas tirem o lixo reciclado, para que não acumulem em qualquer tipo de ambiente que não vai usar”, pediu.

Confira mais fotos do arrastão da dengue

Foto: Secretaria de Saúde de Teixeira Soares


Foto: Secretaria de Saúde de Teixeira Soares

Foto: Secretaria de Saúde de Teixeira Soares

Foto: Secretaria de Saúde de Teixeira Soares