Publicidade Topo

notícias

Iratienses comemoram Nossa Senhora da Luz nesta quarta-feira

Em entrevista à Najuá, Padre Jorge Casimirski falou sobre a devoção dos iratienses à Padroeira do município/Paulo Henrique Sava

Paróquia Nossa Senhora da Luz é palco da Festa da Padroeira de Irati nesta quarta-feira, 08. Foto: Arquivo Najuá

Nesta quarta-feira, 08, cristãos católicos de Irati celebram o dia da Padroeira do município, Nossa Senhora da Luz. Em entrevista à Najuá, o atual pároco, Padre Jorge Casimirski, falou sobre a devoção dos iratienses a Nossa Senhora da Luz. “Esta devoção é cultivada entre o povo de Deus e as famílias não só aqui de Irati, mas de toda a região, por se tratar da padroeira do município e da nossa paróquia. Esta caminhada, esta história começou em 1904, então tem todo um percurso bonito, e nós, a cada ano, continuamos esta história de devoção a Nossa Senhora da Luz”, frisou.

O padre enalteceu a participação da comunidade, dos sacerdotes e do bispo diocesano, Dom Sérgio Arthur Braschi nas celebrações das novenas em preparação ao Dia da Padroeira. “Este ano foi diferenciado. Ficamos gratos diante de Deus pela missão e ver o resultado de toda uma caminhada devocional que aconteceu nestes dias em preparação à solenidade da Padroeira. Como Maria, Nossa Senhora, também agradeceu diante de Deus, eu quero agradecer a todas as lideranças e famílias da nossa paróquia e de outras comunidades de Irati e região, porque Nossa Senhora é a Padroeira de Irati. Somos gratos pelo sim de cada pessoa e pelo seu empenho. Vamos celebrar com júbilo, com alegria, o Dia da Padroeira, no qual celebramos também o dia do nascimento de Nossa Senhora”, comentou.

Padre Jorge fala sobre sua devoção à santa e diz que tem uma ligação especial com a paróquia. “Eu sou aqui de Irati, e desde criança aprendi a subir as escadarias de Nossa Senhora das Graças. A comunidade do bairro Lagoa pertencia à Paróquia Nossa Senhora da Luz, então eu tenho toda uma caminhada até o seminário, o discernimento vocacional e o sacerdócio, tem muito sentido de olhar e me espelhar na vida e na missão de Nossa Senhora pelo seu sim. Cada ano que eu celebro aqui é gratificante e isso ajuda muito na caminhada sacerdotal e da missão”, contou.

A programação da Festa da Padroeira será encerrada logo mais às 19 horas com a celebração da Missa Solene na Igreja Matriz Nossa Senhora da Luz. Vale lembrar que, por conta dos protocolos sanitários, está sendo permitida a entrada de 60% da capacidade de público na igreja. É obrigatório o uso de máscara e álcool gel.


Histórico - A história da Paróquia Nossa Senhora da Luz começou em 1904 com a construção da primeira capela, então pertencente à Paróquia Santo Antônio, de Imbituva. A primeira igrejinha foi construída nas proximidades da Praça da Bandeira, onde atualmente está a agência dos Correios. Ela foi elevada à condição de paróquia em 1931. O Projeto de Lei estabelecendo a data de 08 de setembro como dia da Padroeira de Irati foi aprovado pela Câmara em março de 1957 e sancionada no dia 12 de abril do mesmo ano pelo prefeito da época, José Galicioli. Em 1985, foi criada a Lei nº 638, que confirmou a data como feriado municipal, aprovada pelos vereadores e sancionada pelo então prefeito Antônio Toti Colaço Vaz. Na época, a Ordem Franciscana Secular era a responsável pela Igreja Matriz Nossa Senhora da Luz. Em 1992, os vicentinos da Congregação da Missão assumiram a paróquia. A partir de 2001, ela passou a ser comandada pelos padres diocesanos. Em 2021, a Paróquia completou 90 anos.