Publicidade Topo

notícias

Homem ameaça matar esposa e atira pedra em viatura da PM

Homem foi detido e conduzido para a 13ª SDP de Ponta Grossa

Foto: PM/Divulgação
Um homem ameaçou matar a esposa e arremessou uma pedra na viatura da Polícia Militar de Guamiranga. A situação foi registrada na tarde de ontem, 6, na localidade de São José.

Conforme relato de funcionários da secretaria de Saúde, o homem apresentava um surto psicótico. Ele arremessou pedras na direção dos funcionários da saúde e dos policiais. Uma delas atingiu o teto na parte dianteira da viatura modelo Palio Weekend. Após ser contido, o homem foi encaminhado ao Destacamento da PM. A mulher relatou que o marido disse que ia matá-la caso ela ligasse para a polícia e fosse preso. O autor da ameaça foi detido e encaminhado para a 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa.

Em Imbituva, algumas ferramentas foram furtadas de uma obra na sexta-feira, dia 3. O responsável pela construção constatou o furto na manhã de sábado, 4, quando chegou no local para trabalhar. Porém, ele só procurou ontem, o 3º Pelotão da Polícia Militar para informar o fato.


O homem relatou que o local possui câmeras de segurança que registraram a ação do autor do furto. Os policiais realizaram buscas, mas não encontraram suspeitos.

Em Rio Azul, duas ocorrências de ameaça foram registradas ontem. Na primeira situação, o desentendimento foi causado por uma discussão envolvendo o muro de divisa de um terreno. Um homem relatou que seu vizinho construiu uma edificação próxima do muro de forma irregular. O morador afirmou que essa construção causou danos estruturais no muro.

O homem ainda disse que procurou o vizinho para conversar. No entanto, ele teria agido de maneira agressiva e passou a provocá-lo batendo pedaços de madeira no muro, o que vem agravando os danos. Ontem, o morador voltou a procurar o vizinho, mas foi ameaçado por ele. Em função disso, ele foi até o Destacamento da PM de Rio Azul para registrar a ameaça.

Em outra ocorrência em Rio Azul, uma mulher disse que estava em seu terreno plantando fumo quando o vizinho se aproximou do trator de sua família e passou a ofendê-la. O autor das ofensas também estava plantando fumo do outro lado da cerca de divisa dos terrenos. A mulher que acionou a PM afirmou que os problemas com o vizinho são constantes em função de uma desavença causada por divisas de terra. Ontem, o homem teria ameaçado matar a vizinha, o marido dela e os filhos.