Publicidade Topo

notícias

Primeiro semestre fecha com saldo positivo de empregos na região Centro-Sul

No acumulado do ano, região Centro-Sul gerou mais contratações do que demissões. No entanto, em junho, Rio Azul e Guamiranga acabaram terminando o mês com saldo negativo de empregos/Karin Franco

Dados mostram número de contratações e demissões nos seis primeiros meses do ano

Os municípios da região Centro-Sul fecharam o primeiro semestre com saldo positivo de empregos, ou seja, geraram mais contratações do que tiveram demissões. No acumulado do ano, a região fechou o primeiro semestre com 8.492 empregos gerados e 6.765 demissões, com saldo positivo de 1.727 empregos. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

A região também registrou saldo positivo na maioria dos municípios. Ao todo, a região gerou 1.365 admissões e teve 1.162 demissões, totalizando um saldo positivo de 203 vagas de trabalho.

Apesar do resultado positivo em sua maior parte, dois municípios da região acabaram fechando o mês de junho com saldo negativo. Um deles foi Rio Azul, que registrou no mês de maio o primeiro saldo negativo do ano. Em junho, o município voltou a registrar mais demissões do que admissões. Foram 44 admissões e 76 demissões, que geraram o saldo negativo de 32 vagas.


Outro município com saldo negativo foi Guamiranga, que também registrou mais demissões do que admissões. Foram 14 contratações e 30 demissões, gerando um saldo negativo de 16.

Já nos outros municípios, os dados são mais positivos. Prudentópolis foi o que teve o maior saldo positivo em junho. Foram 275 admissões e 215 demissões, gerando um saldo positivo de 60 vagas.

Em seguida aparece Inácio Martins, que gerou 89 admissões e 37 demissões, terminando junho com saldo positivo de 52 vagas. Mallet também terminou com saldo positivo, gerando 103 contratações e 61 demissões. A cidade terminou o mês com o saldo positivo de 42 vagas.

Imbituva conseguiu gerar em junho, 362 contratações, mas acabou registrando 322 demissões. No entanto, o município conseguiu terminar o mês com o saldo positivo de 40 vagas.

Já Irati, terminou o mês de junho com um saldo positivo de 28 vagas. Foram 346 contratações e 318 demissões.

Outros três municípios conseguiram registrar saldo positivo, apesar de menores que os já citados. Em Teixeira Soares, o saldo positivo ficou em 14 vagas, tendo registrado em junho, 57 admissões e 43 demissões. Já Fernandes pinheiro, registrou 22 contratações e 12 demissões, gerando um saldo positivo de dez vagas. Em Rebouças, foram feitas 53 admissões e 48 demissões, terminando o mês com um saldo positivo de cinco vagas.

Além dos números de registro permanente de admissões e dispensa de empregados, sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), o Caged também reúne dados do e-Social e do Empregador Web.

Dados registrados no mês de junho