Publicidade Topo

notícias

PM prende três homens que cometeram assalto no interior de Fernandes Pinheiro

Policiais ainda identificaram um quarto homem que teve participação no crime, mas não foi localizado. Parte do dinheiro roubado e alguns objetos foram recuperados

Autores do assalto foram detidos no interior de Rebouças. Foto: 8ª Cia/Divulgação

Três homens foram presos após cometerem um assalto no interior de Fernandes Pinheiro na manhã de quarta-feira, 2. O crime ocorreu na localidade de Bituva das Campinas. Duas mulheres, de 54 e 74 anos, foram agredidas, amarradas e ameaçadas de morte. Os bandidos roubaram uma TV, um celular, aproximadamente R$ 10 mil em dinheiro e um revólver calibre 22.

Os autores do assalto estavam armados e permaneceram no local por aproximadamente uma hora. Eles fugiram em um carro branco sentido à localidade de Assungui, também no interior de Fernandes Pinheiro. Equipes de outros Destacamentos da região foram informadas sobre o assalto. Policiais de Rebouças constaram que o veículo Gol usado pelos criminosos estava transitando na PR-364, na localidade de Faxinal dos Francos. Os ocupantes do carro não acataram a abordagem e realizaram disparos de arma de fogo contra os policiais. Em resposta, a equipe acertou alguns tiros nos pneus do Gol, que ficou atolado no meio de uma plantação. Os homens desembarcaram e fugiram para o mato. Policiais de Fernandes Pinheiro, Rio Azul e Irati auxiliaram nas buscas. Um dos assaltantes, de 39 anos, foi localizado e detido.

Mais dois homens foram encontrados na mata fechada. As equipes conseguiram impedir que um dos homens, de 33 anos, retirasse o revólver calibre 22 que estava sob sua posse. Ele estava com a quantia de R$ 3.980. Um outro homem, de 24 anos, portava R$ 2.500. O quarto envolvido no assalto foi identificado. Ele tem 29 anos e não foi localizado. Segundo o setor de Comunicação Social da 8ª Cia, o homem é foragido do sistema prisional. No veículo foi localizada uma TV de 24 polegadas, um rádio portátil, uma faca e uma arma de airsoft calibre 6 milímetros. Os objetos recuperados foram reconhecidos pelas vítimas. O veículo, os objetos e os três homens presos foram encaminhados para a Delegacia de Teixeira Soares.

Em Irati, a Guarda Municipal recebeu diversas denúncias de aglomerações e de estabelecimentos descumprindo as determinações do decreto municipal que entrou em vigor na quarta-feira, 2, com medidas de combate ao coronavírus. Os agentes notificaram as pessoas que cometeram irregularidades. O valor da multa para pessoa física é de R$ 812,80. Já para a pessoa jurídica, o valor sobe para R$2438,40. 

A Guarda Municipal também auxiliou no trabalho de batedor de um veículo Hyundai, que estava transportando uma pessoa com problemas clínicos (desacordada). O condutor solicitou apoio dos agentes no início da noite de quarta-feira, 2, na Avenida José Galicioli. Durante o trajeto até a Santa Casa de Irati, os guardas fizeram sinais luminosos e sonoros para solicitar preferência no deslocamento para o hospital.

Já na manhã de terça-feira, 1, a Guarda Municipal constatou que um lavacar estava aberto, o que descumpria o decreto que estava em vigor. Ele proibia a abertura e funcionamento de atividades não essenciais. O responsável pelo local disse que estava fazendo polimento de alguns veículos. Ele encerrou as atividades e foi orientado para remarcar os trabalhos.

Gol ficou atolado em lavoura. Foto: 8ª Cia/Divulgação

Policiais recuperaram parte do dinheiro roubado e vários objetos. Foto: 8ª Cia/Divulgação

Foto: 8ª Cia/Divulgação

Foto: 8ª Cia/Divulgação