Publicidade Topo

notícias

Padre Nelson testa positivo para Covid-19

Pároco da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Irati está internado na Santa Casa desde domingo, 30, quando passou mal enquanto celebrava a missa das 10 horas/Paulo Henrique Sava, com informações da Paróquia Perpétuo Socorro e da Diocese de Ponta Grossa
Pároco da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Irati, Padre Nelson Bueno da Silva, foi diagnosticado com Covid-19. Foto: Reprodução Facebook

O pároco da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Irati, Padre Nelson Bueno da Silva, de 51 anos, testou positivo para Covid-19. O resultado do teste RT-PCR, coletado no domingo, 30, foi divulgado ontem, 2, na página do Facebook da paróquia. O sacerdote está desde domingo na Santa Casa, onde foi internado após passar mal durante a celebração da Missa das 10 horas.

A equipe do hospital informou que seu quadro de saúde é estável e que ele está se alimentando adequadamente e dormindo bem. Na página da Paróquia, foi publicada uma mensagem enviada pelo Padre Nelson para tranquilizar os fiéis. “Estou me recuperando muito bem e sendo bem cuidado. Acabei de jantar bem. Logo vou para casa”, diz a mensagem publicada na quarta-feira, 2.


Em virtude de o teste do padre ter confirmado a infecção por coronavírus, a Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro permanecerá fechada até a próxima segunda-feira, dia 7. Todas as celebrações na comunidade estão suspensas.

Natural de Cândido de Abreu, Padre Nelson foi ordenado sacerdote em 2 de julho de 2000 na Paróquia São Sebastião, de Ponta Grossa, pelo então bispo diocesano Dom João Braz de Aviz, hoje cardeal em Roma, na Itália. Depois, ele atuou como vigário na Paróquia Santana, de Castro, foi pároco na Paróquia São José, de Imbaú, e na Paróquia Nossa Senhora dos Remédios, em Tibagi. Desde 2013, ele atua como pároco na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. O sacerdote coordenou o Setor 8 da Ação Evangelizadora e foi coordenador e professor da Escola de Teologia para Leigos da Diocese de Ponta Grossa. Ele também integrou o Conselho Presbiteral da diocese.