Publicidade Topo

notícias

Nove cavalos são encontrados soltos na rua Coronel Pires, em Irati

Responsável pela captura de animais de grande porte recolheu os cavalos. Multa por abandono de animais é de R$ 975,36

Guarda Municipal foi acionada para atender ocorrência de abandono de animais. Foto: Rádio Najuá/Arquivo

Nove cavalos foram encontrados soltos na rua Coronel Pires, em Irati, na tarde de ontem, 29. A Guarda Municipal constatou a situação e acionou o responsável pela captura de animais de grande porte. Ele foi até o local e ficou responsável pelo recolhimento dos cavalos.

A Guarda Municipal salienta que a multa para os proprietários de animais de grande porte soltos em via pública é de 12 Unidades de Referência Municipal (URMs), o que equivale a R$ 975,36.

A Guarda Municipal atendeu mais duas ocorrências na tarde de terça-feira, 29. No primeiro atendimento, os agentes foram solicitados para conter uma pessoa que estava em surto quebrando objetos no Centro Administrativo Municipal (CAM). A autora dos danos que é acolhida pelo projeto de residência inclusiva estava agitada e exigia seus pertences. Além disso, ela não queria voltar para a casa de acolhimento. Depois disso, ela começou a quebrar os objetos da sala.


Segundo a Guarda Municipal, ela danificou um relógio ponto e o suporte de álcool em gel, pois estava batendo com o suporte na porta de vidro. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi solicitado para comparecer no local para atender a paciente. A mulher começou a se debater mesmo depois de ser contida. Ela chegou a bater a cabeça na ambulância. A médica do SAMU aplicou a medicação na paciente, que foi encaminhada ao Pronto Atendimento Municipal. De acordo com a Guarda Municipal, a mulher não estava em condições de retornar para a residência inclusiva. Por isso, foi solicitado o seu internamento.

Em outra ocorrência, a Guarda Municipal foi acionada para conter um homem que estava atrapalhando o trabalho dos funcionários do Pronto Atendimento Municipal. De acordo com informações repassadas aos guardas, o homem estava embriagado e queria sair do local com o seu veículo. Porém, os enfermeiros pegaram a chave do carro por questão de segurança. Durante abordagem, o homem continuou falando alto atrapalhando os enfermeiros, que solicitavam para ele se retirar, pois haviam pessoas internadas no local. Entretanto, o homem se recusou a deixar o local. Ele também xingou e ameaçou os guardas municipais. Por isso, ele foi detido e conduzido para a Delegacia.