Publicidade Topo

notícias

Homem morre após ser atropelado no bairro Canisianas

Segundo relatório da 8ª Cia, o jovem que conduzia veículo envolvido no acidente não tem CNH. Teste do bafômetro teve resultado positivo para embriaguez, conforme a PM

Atropelamento ocorreu próximo da linha férrea no bairro Canisianas. Foto: Tadeu Stefaniak

Um homem morreu atropelado na madrugada de hoje no bairro Canisianas, em Irati. Vinicius Ries de Siqueira, de 34 anos, foi atingido por um veículo Ford Ka na rua Antonio Budel. Equipes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros prestaram atendimento à ocorrência por volta das 4h30.

Segundo informações da Polícia Militar, um jovem, de 22 anos, conduzia o carro sentido bairro/centro. Ao se aproximar da linha férrea, ele atingiu o pedestre, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Moradores tentaram reanimar a vítima. Porém, os bombeiros constataram o óbito. Conforme relatório da 8ª Cia, o condutor não tem Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Ele realizou o teste do bafômetro com resultado positivo para embriaguez. De acordo com relatório da 8ª Cia, o resultado do teste apontou 0,64 mg/l de álcool no organismo. Com isso, foi caracterizado crime de trânsito previsto no artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro. 


O motorista foi levado para o Pronto Atendimento. Ele foi medicado e realizou o laudo de lesões corporais antes de ser apresentado na Delegacia. O carro foi apreendido e recolhido ao pátio da 8ª Cia por apresentar débitos. Segundo relatório da 8ª Cia, o veículo havia sido retirado do local do acidente no momento da chegada da PM. O Ford Ka estava estacionado na rua Anastácia Doniak Galicioli. 

De acordo com os policiais, o motorista estava tentando reanimar a vítima no momento que a equipe chegou ao local. Equipes do Instituto Médico-Legal (IML) e Criminalística de União da Vitória estiveram no local realizando os procedimentos cabíveis.

Carro que atingiu o pedestre foi apreendido pela PM. Foto: Tadeu Stefaniak

Instituto de Criminalística analisou local do acidente. Foto: Tadeu Stefaniak

Foto: Tadeu Stefaniak

Foto: Tadeu Stefaniak