Publicidade Topo

notícias

Homem aciona PM para reclamar que não consegue dormir por conta do barulho do galo do vizinho

Homem relatou que a situação está atrapalhando seu rendimento no trabalho, pois não consegue dormir

Foto: Freepik/Imagem ilustrativa

Um morador de Inácio Martins entrou em contato com a Polícia Militar na quarta-feira, 16, para reclamar que não consegue dormir por conta do barulho do galo do vizinho. O homem disse que o vizinho fez um galinheiro nas proximidades do muro que divide as duas casas. Ele relatou que já tentou resolver a situação de forma amigável por diversas vezes.

O morador ainda afirmou que fez uma denúncia para a Vigilância Sanitária, que não resolveu o problema. O homem disse que trabalha o dia todo e não consegue dormir no período da noite, pois o galo costuma cantar com frequência. O morador alegou que esse fato está atrapalhando seu rendimento no trabalho.

Ainda em Inácio Martins, um homem com mandado de prisão com validade até 24 de maio de 2028 foi detido. Ele não portava objetos ilícitos durante a abordagem realizada na quarta-feira, 16. Porém, em consulta ao sistema da Secretaria de Estado da Segurança Pública foi constatado que ele possuía um mandado de prisão em aberto. O homem realizou o laudo de lesões corporais no Pronto Atendimento de Inácio Martins e foi entregue na Delegacia de Irati.


Também em Inácio Martins, um homem que estava jogando baralho em um bar se recusou a fornecer dados de sua identificação para as equipes que estavam realizando a fiscalização. Segundo os agentes da Vigilância Sanitária, os homens estavam descumprindo o decreto municipal, pois não poderiam jogar baralho no local. Dois homens foram identificados. Porém, o terceiro não quis repassar as informações e partiu para cima do fiscal.

O funcionário público disse que empurrou o homem para afastá-lo. Depois disso, o agente de fiscalização acionou a PM. Neste momento, o homem deixou o estabelecimento. Posteriormente, ele foi até o Destacamento, onde acabou sendo identificado. Mais tarde, os policiais foram informados que o homem que se negou a repassar os dados e mais uma pessoa foram até a sede da prefeitura para tentar agredir os agentes de fiscalização. Os policiais estiveram no local, mas não encontraram os autores da tentativa de agressão.

Já em Irati, um homem realizou disparos de arma de fogo na rua Guiana no início da madrugada de hoje, 16. O autor dos tiros estava em um veículo Fiat Uno modelo novo. Ele parou em frente à residência e realizou vários disparos. Um dos tiros atingiu a parede da casa, outro acertou o telhado e um terceiro o para-brisa de um caminhão que estava estacionado em frente ao imóvel.

O morador que teve a casa atingida pelos tiros disse que recebeu várias mensagens com ameaças de morte. O autor gravou vídeos mostrando um revólver. As pessoas que residem na casa foram orientadas para procurar a Delegacia para apresentar as mensagens e vídeos. Policiais realizaram buscas, mas não encontraram o autor dos disparos.