Publicidade Topo

notícias

Escritor Jorge Burgath publica livro com mensagens espirituais

Em entrevista à Najuá, Jorge Burgath falou sobre a obra “Pomares Conscienciais”, que traz mensagens espíritas, além de reflexões e autoajuda/Karin Franco, com reportagem de Rodrigo Zub e Juarez Oliveira

Jorge Burgath publicou livro com mensagens espirituais. Foto: Arquivo Pessoal

O escritor Jorge Burgath publicou recentemente o livro “Pomares Conscienciais”, onde traz mensagens espíritas, além de reflexões e autoajuda. Em entrevista à Rádio Najuá ele contou como foi o processo para escrever os textos.

Jorge conta que desde os 12 anos tinha o desejo de publicar um livro. “Aos 12 anos, eu já havia tendo essa ideia de escrever um livro. Eu tive contato com a Doutrina Espírita com 12 anos de idade. Fui fundador de Centros Espíritas, dirigi Sociedades Espíritas, também e escrevi para vários jornais. E me motivou a escrever um livro sobre assuntos espíritas”, contou.

O livro é dividido em três partes. A primeira, intitulada “Pomares Reflexões”, traz reflexões sobre diversos momentos de sua vida, principalmente quando foi acometido por um câncer. Curado há seis anos, ele reflete como foi esse processo. “Eu tive um câncer no fígado, você vê como o câncer é agressivo e difícil. Mas quando eu fui fazer o tratamento, a cada sessão de quimioterapia, eu trazia Cristo comigo no pensamento e a cada gota de medicamento transformava-se, no meu pensamento, direto naquele tumor. Foi ali que encontrei ajuda na minha cura”, disse Jorge.

A segunda parte é intitulada “Pomares Evangélicos”, onde sob a luz da Doutrina Espírita, ele traz mensagens espirituais para todos. O livro se encerra na terceira parte com “Pomares Poéticos”, onde reúne diversas poesias escritas ao longo de sua vida. “Um pouco contando passagens espirituais que eu vivi e a minha vida como reflexão também, problemas de saúde, muita coisa que tive, principalmente agora, graças a Deus, agora estou bem e estou realizando o sonho de escrever esse livro”, conta o escritor.


Jorge explica que a ideia do título do livro é trazer todos os ensinamentos colhidos em sua vida. “Pomares porque a gente passando pela vida, a gente vai plantando, e tem que ser consciente naquilo que faz. Naquilo que é bom para a vida. Eu tive uma vida, graças a Deus, bem ilibada, não tive problema, graças a Deus, com ninguém. Escrevi ‘Pomares Conscienciais’ devido a esse motivo. Como se fosse uma horta que você planta e depois você vai colher aquilo de bem ou de mal que você plantou”, relata.

Transformar o desejo em um livro começou a se materializar há uns 15 anos, quando ele decidiu repassar os seus textos para o computador. “Na época que não tinha internet, eu fazia tudo escrito manualmente os textos. Depois que fui digitalizando via internet, com dificuldade, que eu sou de uma terceira idade, então é mais difícil, mas consegui. Com esforço a gente consegue tudo”, disse.

O livro é voltado para o público espírita, mas o autor disse que a obra também tem o objetivo de ajudar quem passa por um momento difícil, como de saúde. “Passar esse encorajamento, esta fé, nunca a pessoa desistir de um tratamento, seja o que for, a doença que for. Nunca desista. Continue fazendo o seu tratamento médico”, disse.

A obra ainda conta com o poema “Ferrovia Espiritual” que traz um pouco da sua experiência como ferroviário e ao mesmo tempo, recupera a fé na Doutrina Espírita. “Meu pai foi ferroviário e eu me criei junto com meu pai trabalhando na ferrovia praticamente. E ele não conseguiu se aposentar, foi cometido de uma doença grave na época, mas eu ingressei na ferrovia e me aposentei na ferrovia. E nessa passagem na ferrovia e vi muita coisa. Essa mediunidade que a princípio eu tenho, essa percepção das coisas, eu percebi muitas coisas em muitas casas, por exemplo, onde eu parava, os caras pediam para eu ficar e eu pensei em muita coisa. E me inspirou em escrever a parte espiritual, a ferrovia espiritual e me referindo ao mestre Jesus, que é uma estrada, mas uma estrada para ele”, conta.

O livro foi publicado por uma editora próxima de Guarapuava, sendo impressos 120 exemplares. De acordo com o escritor, dez exemplares serão doados entre amigos e outros estarão disponíveis para venda por R$ 25. Quem deseja adquirir um exemplar pode entrar em contato com o escritor pelo número (42) 9-9966-8234, pelo e-mail jorge99668234@hotmail.com ou em sua casa que fica na rua Joaquim Ferreira Guimarães, no bairro São Francisco, em Irati.

A publicação do livro foi possível após o escritor ter o projeto aprovado na lei Aldir Blanc. “Eu agradeço já ao Departamento de Cultura. Eu tive o projeto aprovado e então agradeço a eles. Observando nesse livro, na primeira página, eu fiz uma referência a Santa [imagem de Nossa Senhora das Graças] à nossa cidade, agradecendo pelo Centenário, pela cidade que vivo. Aqui sou cidadão honorário também”, disse.

A obra também teve ajuda do amigo Júnior Bueno. “O Júnior contribuiu muito nas pesquisas de editora, até fazendo uma corrigida de todos os textos para não ter erro, foi ele que fez essa corrigida”, conta Jorge.

Biografia: Nascido em Rebouças, o escritor Jorge Burgath é casado com Ivanildes Burak e pai de Odilon Burgath (ex-prefeito de Irati) e Fábio Burgath.

O primeiro contato com a Doutrina Espírita foi no Centro Espírita Jesus de Nazareth, localizado em Rebouças. Mas foi em 1986, quando se mudou para Irati que ele começou a aprofundar seus conhecimentos. Em Irati, frequentou o Centro Espírita Jesus e Maria iniciando sua forte ligação com a doutrina. Na instituição chegou a atuar como vice-presidente e conselheiro.

Jorge Burgath também é fundador do Grupo de Assistência Espiritual Luz e Vida, onde coordenou o trabalho voluntário de visita aos doentes da Santa Casa de Irati.

No ano 2001, ele fundou o Centro Espírita Allan Kardec, na cidade de Irati. O talento para a escrita o levou a ser colunista em vários jornais da região. Jorge Burgath escreveu para a Revista Visão Espírita, jornais Folha de Irati, Hoje Centro-Sul, Incentivo Cultural de Guarapuava, entre outros. Já o trabalho social levou a ser reconhecido no dia 16 de julho de 2014 com o Título de Cidadão Honorário de Irati.

Atualmente, Jorge Burgath realiza atendimentos em sua casa no bairro São Francisco. “Eu faço muito assistência social. As pessoas me procuram para fazer, na Doutrina Espírita, eu aplico passes, curativos. E é isso que faço. A oração, o Evangelho e atendimento pessoal para as pessoas que me procuram. Porque as pessoas me procuram e eu não posso me negar, como espírita que eu ou a atender ninguém. É meu compromisso que tenho com a espiritualidade”, conta.

Jorge está vendendo livro por R$ 25 cada exemplar. Foto: Divulgação