Publicidade Topo

notícias

Acidente deixa um morto e quatro feridos em Palmeira

Colisão entre veículos Fiat Palio e Toyota Etios ocorreu na BR-277

Uma pessoa morreu e quatro ficaram feridas em acidente na BR-277, em Palmeira. Foto: PRF/Divulgação

Uma pessoa morreu e quatro ficaram feridas em um acidente na BR-277, em Palmeira, na noite de domingo, 20. A colisão frontal envolveu os veículos Fiat Palio, de Palmeira, e Toyota Etios, de Laranjal/PR. A batida ocorreu no quilômetro 179 da rodovia, por volta das 18h50.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o passageiro do Fiat Palio, de 42 anos, foi ejetado e morreu no local do acidente. O corpo dele foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Ponta Grossa. O condutor do Palio também foi ejetado e sofreu ferimentos graves. Outro passageiro do Palio também sofreu lesões graves. O motorista do Etios sofreu fratura grave em um membro inferior. Os três foram encaminhados para hospitais de Campo Largo e Ponta Grossa. Já o passageiro do Etios teve ferimentos leves e recusou atendimento.

Outro acidente com morte foi registrado na BR-376, em Ponta Grossa, na noite de ontem, 20, por volta das 20h30. De acordo com a PRF, o Fiat Uno, com placas de Ponta Grossa, transitava na contramão da direção e colidiu frontalmente contra um caminhão Mercedes Benz, com placas de Imbituva, no quilômetro 506, sentido Curitiba. Com o impacto, o Uno e o caminhão pegaram fogo. O condutor do Uno morreu carbonizado. Por esse motivo, não foi possível identificá-lo. Os dois ocupantes do caminhão não sofreram ferimentos. 

Equipes do Instituto de Criminalística e IML estiveram no local prestando atendimento. Em virtude do acidente, a rodovia só foi liberada por volta das 2 h de segunda-feira, 21. Até esse horário, a pista sentido Curitiba permaneceu parcialmente interditada, com trânsito fluindo pelo acostamento até a retirada do caminhão.

Acidente envolveu Fiat Palio e Toyota Etios. Foto: PRF/Divulgação

Homem morreu carbonizado após acidente na BR-376, em Ponta Grossa. Foto: PRF/Divulgação