Publicidade Topo

notícias

Rio Azul prorroga decreto com toque de recolher às 18 h por 15 dias

Comércio pode funcionar de segunda a sábado das 6 às 18 h. No domingo somente farmácias, postos de combustíveis e distribuidoras de gás podem atender no sistema de plantão/Rodrigo Zub

Imagem da Igreja Matriz Sagrado Coração de Jesus, em Rio Azul. Foto: Prefeitura/Arquivo

A prefeitura de Rio Azul prorrogou o decreto com medidas de combate ao coronavírus por mais 15 dias. A decisão foi divulgada ontem, 26. Com isso, as determinações que estão em vigor, entre elas, o toque de recolher das 18 h às 5 h do dia seguinte, seguem até o dia 10 de junho.

Até essa data, o comércio pode funcionar de segunda a sábado das 6 às 18 h. Depois desse horário só podem circular entregadores de restaurantes e lanchonetes, trabalhadores de serviços essenciais e pessoas em deslocamento para casos de emergência. No domingo, os únicos estabelecimentos que podem atender em Rio Azul são farmácias, postos de combustíveis e distribuidoras de gás, no sistema de plantão. A multa é de R$ 500 para quem descumprir as determinações, inclusive de não usar máscara de proteção facial. Denúncia de aglomerações e descumprimento do decreto municipal podem ser feitas no telefone whatsapp 9-9125-6089.

Nesta quinta-feira, 27, Rio Azul registrou o 17º óbito por coronavírus. Um homem, de 76 anos, que não tinha comorbidades, faleceu nas primeiras horas do dia. Ele residia na área urbana e estava internado desde o dia 18 de maio. Hoje, Rio Azul registrou 20 novos casos de Covid-19 e passou a somar 1.136 diagnósticos da doença desde o início da pandemia. 218 casos permanecem ativos. 901 pessoas já se recuperaram da doença e 16 estão internadas. 98 rio-azulenses que tiveram sintomas de Covid-19 aguardam resultados dos exames e 497 estão sendo monitorados.