Publicidade Topo

notícias

Municípios da região registram mais quatro mortes por coronavírus

Dois moradores de Rebouças, um de Irati e outro de Imbituva faleceram nas últimas horas
Foto: Divulgação

Mais quatro mortes por coronavírus foram registradas em municípios que pertencem a 4ª Regional de Saúde. Duas pessoas residiam em Rebouças, uma em Irati e outra em Imbituva.

Um reboucense na faixa etária entre 60 a 65 anos faleceu na terça-feira, 4. A vítima não tinha comorbidades e estava internada na Santa Casa de Irati. Ele havia coletado material para realização do exame RT-PCR no dia 5 de março. Já o resultado do teste foi divulgado três dias depois.

Nesta quinta-feira, 6, a secretaria de Saúde de Rebouças confirmou mais um óbito de um paciente entre 55 e 60 anos. Ele possuía comorbidades e estava internado no hospital Dona Darcy Vargas, em Rebouças. O morador havia coletado material para realizar o exame de identificação de antígeno no dia 29 de abril. No mesmo dia, saiu o resultado positivo do teste. Com as duas mortes registradas, Rebouças já teve 16 óbitos por complicações da Covid-19.

Nesta quinta-feira, 6, o município confirmou mais 28 casos da doença. No total, 879 reboucenses já foram contaminados desde o início da pandemia. 700 pessoas estão recuperadas e 163 casos permanecem ativos. 53 moradores aguardam resultado dos exames. Em virtude do momento difícil com aumento de casos de coronavírus, a secretaria de Saúde solicita que as pessoas evitem visitas domiciliares no Dia das Mães. “Nesse domingo, dia 9 de maio, é Dia das Mães, uma data tão importante para todos e que, costumeiramente, é uma data de reuniões familiares. Entretanto, vivemos o auge da pandemia no nosso município, qualquer aglomeração de pessoas é muito danosa, sendo esses encontros sociais de familiares e amigos o principal ponto de contágio no momento. Por isso, nesse fim de semana, fique apenas com a sua família que mora no mesmo lar, não visite ninguém e muito menos receba visitas”, solicita a secretaria de Saúde.

As pessoas que descumprirem o decreto municipal e forem flagradas aglomeradas serão punidas com multa se forem denunciadas.


Imbituva: Em Imbituva, mais um óbito foi confirmado nesta quinta-feira, 6. Um homem, de 54 anos, que estava internado no hospital Regional de Guarapuava faleceu na quarta-feira, 5. Ele estava internado desde o dia 27 de abril. Esse foi o 61º morador de Imbituva que morreu por complicações da infecção. Vinte e quatro novos casos foram diagnosticados hoje. Por outro lado, mais 25 moradores se recuperaram. Sendo assim, 2.545 casos foram confirmados desde o início da pandemia. 2.367 munícipes se recuperaram, 109 pessoas infectadas estão em isolamento domiciliar e 100 moradores permanecem em monitoramento. Oito imbituvenses estão internados.

Na quarta-feira, 4, o prefeito de Imbituva, Celso Kubaski, publicou um novo decreto determinado que eventos públicos e privados não podem exceder o total de 25 pessoas. As atividades esportivas individuais ou coletivas poderão ser realizadas em quadras society, clubes sociais, associações ou similares, desde que haja rastreamento dos participantes. Quem praticar esportes coletivos deverá registrar uma lista de presença com data e horário da partida. Além disso, é necessário identificar as pessoas presentes com nome, CPF e telefone. Essa lista deve ser arquivada por no mínimo 15 dias devendo ser apresentada aos órgãos municipais sempre que for solicitada. Se os nomes não foram registrados, o município proibirá a prática esportiva no local. Os atletas não podem compartilhar coletes ou camisetas de identificação. Foi estabelecido o prazo de dez minutos entre os horários de utilização do espaço para que o ambiente e os utensílios utilizados para a prática esportiva sejam higienizados. O decreto mantém a proibição das práticas esportivas coletivas em locais públicos, como praças e quadras públicas, pois não há como identificar essas pessoas.

Já as atividades religiosas podem ser realizadas desde que a ocupação máxima seja de 35%. Nas celebrações, deve ser respeitado o distanciamento entre as pessoas e recomendado a realização de atos não presenciais. Outras atividades proibidas no município são panfletagem e distribuição de materiais de divulgação nas vias públicas; shows e demais eventos; casas noturnas, lounges, tabacarias, boates e similares.

Irati: Em Irati, o 75º óbito por coronavírus foi registrado nesta quinta-feira, 6. Um homem, de 84 anos, que tinha comorbidades, faleceu no Pronto Atendimento Municipal. Irati registrou mortes por Covid-19 em todos os dias desse mês. Uma pessoa faleceu no sábado, duas no domingo, uma na segunda, três na terça, duas ontem e uma hoje, totalizando dez mortes em seis dias do mês de maio.

Mais 88 casos foram diagnosticados hoje. Com isso, a cidade subiu para 4.975 moradores infectados. 4.452 munícipes estão recuperados, 407 permanecem em isolamento domiciliar e 41 internados, sendo 14 em enfermarias, 14 em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e 13 no Pronto Atendimento Municipal. 120 pessoas aguardam resultado dos testes. 10.515 iratienses já foram vacinados, sendo que 6.043 moradores receberam a segunda dose.

Ocupação da Santa Casa de Irati: Na Santa Casa de Irati, a taxa de ocupação de leitos permanece alta com 32 pacientes internados, sendo 11 em UTIs, sete no Pronto Socorro e 14 na enfermaria. “Toda a equipe da Santa Casa de Irati vem pedir para que as pessoas se cuidem. Não aglomerem, mantenham o distanciamento, higienizem as mãos e usem máscara e álcool gel. Se cada um fizer a sua parte ficará mais fácil as ações de nossa equipe, que não desiste tentando salvar vidas”, solicita a Santa Casa.

Fernandes Pinheiro: Em Fernandes Pinheiro, 347 casos de coronavírus foram confirmados até essa quinta-feira, 6. 319 pessoas estão recuperadas, seis faleceram e 22 casos permanecem ativos. 37 moradores estão sendo monitorados e 18 aguardam resultado dos exames. O último óbito por Covid-19 foi registrado na segunda-feira, 3. A vítima foi um homem, de 62 anos, que era hipertenso e nefropata.

Rio Azul: Em Rio Azul, 22 novos casos de Covid-19 foram registrados nesta quinta-feira, 6. Com isso, a cidade já teve 561 casos diagnosticados desde o início da pandemia. Desses, 116 permanecem ativos. Oito pessoas morreram, sete estão internadas e 438 se recuperaram da doença. 71 moradores que tiveram sintomas aguardam resultado dos testes e 308 rio-azulenses estão sendo monitorados.

Inácio Martins:
Em Inácio Martins, 566 pessoas já tiveram coronavírus. 537 martinenses se recuperaram, oito faleceram e 21 permanecem em isolamento domiciliar. 32 pessoas estão sendo investigadas e 1.679 testes apresentaram resultado negativo desde o início da pandemia.

Guamiranga: Em Guamiranga, 534 casos foram confirmados, sendo 21 deles nesta quinta-feira, 6. Esse número corresponde a 6,11% da população da cidade. Dez pessoas faleceram, três estão internadas, 369 se recuperaram e 165 permanecem em monitoramento. Entre os 155 casos ativos, 76 residem na área urbana, 28 na comunidade de Boa Vista, seis na Água Branca, 34 no Guamirim, dez em Manduri e um em Barreiro.

Teixeira Soares: Em Teixeira Soares, 451 pessoas já foram diagnosticadas com Covid-19. 416 moradores se recuperaram, 25 casos permanecem ativos e dez munícipes faleceram por complicações da doença. Dezoito pessoas tiveram sintomas e aguardam resultado dos testes e 104 moradores estão sendo monitorados. Dois casos de reinfecção foram registrados na cidade. Uma pessoa foi infectada com a nova variante do coronavírus.

Mallet: Já em Mallet, 16 casos permanecem ativos. Cinco deles foram confirmados nesta quinta-feira, 6. Ao todo, 397 pessoas tiveram coronavírus no município. Seis malletenses morreram e 381 se recuperaram da infecção. Nove moradores aguardam resultado dos testes e 25 estão sendo monitorados.