Publicidade Topo

notícias

Governo estadual entrega 20 km da pavimentação entre Irati e São Mateus do Sul

Primeiro trecho da PR-364 foi entregue em cerimônia com a participação do governador. Na mesma solenidade, foi assinada autorização para o projeto de pavimentação entre Rebouças e o Marmeleiro/Karin Franco, com reportagem de Sidnei Jorge

Trecho que já foi pavimentado compreende 35% do total da obra. Foto: Gilson Abreu/AEN

O primeiro trecho da pavimentação da rodovia PR-364, estrada que liga os municípios de Irati e São Mateus do Sul, foi entregue na segunda-feira (03) em uma cerimônia que teve a participação do governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD). A obra foi iniciada em 2019 e tem a previsão de ser entregue no próximo ano. Neste primeiro trecho, foram pavimentados cerca de 20 quilômetros entre Irati até o trevo do Marmeleiro, de onde parte a PR-990, estrada que liga a rodovia ao município de Rebouças. Até o momento, 35% da obra da PR-364 está concluída. Ao todo, serão 49 quilômetros de pavimentação entre Irati e São Mateus do Sul.

O investimento na obra é de R$ 121 milhões, por meio de uma parceria do Governo do Paraná com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O valor inclui as etapas de terraplenagem, drenagem, pavimentação, sinalização e execução de uma ponte sobre o Rio Turvo.

A segunda etapa da obra já está acontecendo, com mais de 12 quilômetros de pavimentação sendo feitos. De acordo com o governador, a obra será importante para a região. “A gente acredita que no primeiro trimestre, quadrimestre, nós estamos entregando ela inteira para a população. Mas já é um primeiro trecho que vai ajudar no escoamento da safra, na produção de toda a região que é muito forte no agronegócio, na agricultura. Além disso, na atração de novas empresas. Nós sabemos que aqueles que querem gerar emprego, montar indústria, eles querem ir para regiões que tenham população trabalhadora, que é o caso desta região, mas que também tenha uma infraestrutura, onde o caminhão possa escoar essa produção tanto industrial como do agronegócio”, avalia Ratinho Junior.


O secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, destaca que a obra de 49 quilômetros, inclui trechos de ligação de Irati e de São Mateus do Sul com a PR-364. “Com a restauração do pavimento inicial, do acostamento e ciclovia [em São Mateus do Sul], além da ligação com Irati, para 1,2 quilômetros ali no Riozinho, no contorno, e com uma trincheira ligando à nossa rodovia federal”, explica.

Durante a cerimônia, também foi assinada a autorização do projeto executivo da pavimentação da PR-990, que liga o município de Rebouças com a PR-364. “Estamos agora trabalhando para o projeto que faz a ligação com o município de Rebouças. A rodovia passa pelas terras de Rebouças e não fazia ligação”, relata o secretário.

Serão 12,6 quilômetros de pavimentação com um investimento de R$ 1.235.132,20 somente no projeto. “Hoje nós assinamos a contratação do projeto de engenharia: R$ 1,2 milhão. Investimento grande por parte do Estado para fazer o projeto. E claro no prazo que o projeto ficar pronto, nós vamos fazer a ligação de Rebouças com a PR-364 para justamente deixar toda essa região com investimento, com uma infraestrutura decente”, disse o governador.

O prefeito de Rebouças, Luiz Everaldo Zak, destacou que esse foi um passo importante para a continuidade do projeto que começou em 2019 com a estadualização da estrada. “Em 2019, foi estadualizado, que foi a primeira fase dessa conquista, saiu o decreto da estadualização no ano passado e agora saiu efetivamente os atos de licitação desta importante obra que vai fazer a diferença para o nosso município”, relata.

Zak também destacou que a obra da PR-364 é uma concretização de algo desejado pela população da região. “É um dia realmente extraordinário, uma conquista enorme que estamos tendo, um sonho que se realiza hoje”, conta.

O prefeito de Irati, Jorge Derbli, disse que a obra ajudará no desenvolvimento dos municípios. “Para nós realmente, o desenvolvimento da região, o crescimento, principalmente, não só as que trafegam, mas para os agricultores que ao longo da rodovia terão melhores condições de tráfego e para escoar a produção”, disse.

Derbli ainda mencionou a obra que será feita para ligar o município de Irati com a PR-364. “Já terminou o processo de desapropriação, e segundo notícias que eu tenho, muito em breve vai iniciar essa obra que vai tirar o tráfego do trevo ali da Unicentro que é muito conturbado, vai ser uma alça com maior segurança para que todos passem, passando pelo conjunto Molinari e vai ficar uma excelente obra de acesso”, relata.

Segundo ele, a obra é necessária para dar mais segurança para o trecho que está próximo da Unicentro. Além disso, outra obra poderá diminuir o tráfego no local que ficará mais intenso. “Nós temos também uma municipalização daquele trecho que vai ficar fora da PR-364. Um pedaço que tão logo municipalizando a gente também vai fazer as obras de infraestrutura e pavimentar, deixar dentro de um contexto de segurança e melhor trafegabilidade para todo mundo”, detalhou.

A prefeita de São Mateus do Sul, Fernanda Sardanha, destacou que a rodovia liga a região ao desenvolvimento. “Ao desenvolvimento de diversas regiões do nosso Paraná, de Santa Catarina. E quando falamos de uma infraestrutura dessa, uma rodovia de forma diferenciada, que para nós de São Mateus do Sul, que somos o 23º município do Paraná em desenvolvimento agropecuário, a gente fala de melhoria de escoação da nossa safra, da melhoria do direito à nossa população”, afirma.

O presidente da Associação dos Municípios do Centro-Sul do Paraná (Amcespar) e prefeito de Inácio Martins, Júnior Benato, lembra que a obra também ligará as duas associações de municípios (Amcespar e Amsulpar). Ele ainda destacou que a atual gestão do governo estadual tem investido em obras. “O Estado do Paraná ganha as maiores obras estruturantes da sua história”, disse. Durante sua fala na cerimônia, Benato também aproveitou para destacar a importância de ter uma ligação entre Inácio Martins e União da Vitória.

Participaram da cerimônia, a deputada federal Leandre Dal Ponte; os deputados estaduais Hussein Bakri (líder do governo na Assembleia Legislativa), Artagão Júnior, Delegado Francischini, Nelson Justus, Alexandre Curi, Emerson Bacil, Rodrigo Estacho e Wilmar Reichembach; os prefeitos de Irati, Jorge Derbli, de Rebouças, Luiz Everaldo Zak, de Teixeira Soares, Lula Thomaz, de Mallet, Moacir Alfredo Szinvelski, de Rio Azul, Leandro Jasinski, de Paulo Frontin, Jamil Pech, de Fernandes Pinheiro, Cleonice Schuck, de Guamiranga, Marcos Chiaradia; e o presidente da Amcespar e prefeito de Inácio Martins, Júnior Benato.

Obras prosseguem na localidade de Marmeleiro, em Rebouças. Foto: Rodrigo Félix Leal/Secretaria de Infraestrutura 

Durante a cerimônia, governador autorizou realização do projeto para pavimentar estrada de Rebouças ao Marmeleiro. Foto: Gilson Abreu/AEN

Estrada foi pavimentada até o trevo do Marmeleiro. Foto: Jussara Harmuch

20 km da estrada já foram pavimentados. Foto: Jussara Harmuch

Cerimônia de entregue do primeiro trecho da obra teve participação do governador Ratinho Junior. Foto: Sidnei Jorge