Publicidade Topo

notícias

A cada mil iratienses, 113 foram infectados com a Covid-19

Guamiranga é o município da 4ª Regional de Saúde que mais tem casos em relação à sua população, 122 casos por mil habitantes. Em Imbituva foram registrados 106 infectados por mil habitantes/Jussara Harmuch

Os 62 óbitos pela Covid-19 de Irati informados pela vigilância sanitária em maio correspondem a 67% do total das notas de falecimento divulgadas pela Najuá no mesmo período, que são 93. O total de óbitos confirmados da Covid-19 em 2021 pela plataforma e-covid da prefeitura municipal até agora (31/05 20h) foi de 126 e corresponde a 47% das notas de falecimento da Najuá neste ano.

Em maio de 2020 o número de óbitos por Covid-19 de Irati foi zero e o total de notas de falecimento divulgadas pela Najuá foi 44, valor igual ao de 2019. Novembro foi o mês com maior confirmação de casos em 2020, foram 1.516 e 5 óbitos. Em abril de 2021 foram 730 casos e 13 óbitos. Já em maio, os casos saltaram para 2.307. De abril para maio os casos em Irati aumentaram 216% e os óbitos 369%.

Desde o início da pandemia, dos municípios que compõe a 4ª Regional de Saúde, Guamiranga registrou maior taxa relacionada à sua população, 122,23 casos por mil habitantes, seguido por Irati com 113 e por Imbituva com 106,95 casos por mil habitantes. A exceção de Guamiranga, que é o segundo município com menos população e mesmo assim está a frente em número de casos, Irati é o mais populoso, 61.088 habitantes e Imbituva o segundo maior com 32.940 habitantes.