Publicidade Topo

notícias

Frequentador de bar ameaça funcionário que atua na fiscalização da Covid-19

Situação foi registrada em estabelecimento no interior de Rebouças. Homem ameaçou agredir funcionário da prefeitura
Foto: Paulo Sava

Um funcionário da prefeitura de Rebouças que atua na fiscalização dos decretos de combate ao coronavírus foi ameaçado. Ele relatou a Polícia Militar que o incidente ocorreu na sexta-feira, 16, quando foi até um bar na localidade de Riozinho de Baixo para averiguar uma situação de aglomeração de pessoas. Somente um dos frequentadores do estabelecimento não acatou a solicitação e ameaçou o funcionário. O autor da ameaça disse que ele e muitas pessoas queriam lhe agredir fisicamente. Depois disso, o homem deixou o local e não foi encontrado.

Em outra ocorrência na localidade de Marmeleiro, policiais militares e integrantes da Vigilância Sanitária estiveram em um bar que não possui alvará de funcionamento na noite de sábado, 17. Oito pessoas estavam no local de forma aglomerada. As equipes de fiscalização também constataram que o estabelecimento estava funcionando fora do horário determinado pelo decreto municipal. O decreto determina o funcionamento dos estabelecimentos até 21 h nos finais de semana. Os clientes foram solicitados para deixarem o local. Posteriormente, a PM deslocou até um bar/lanchonete na área central. Conforme o decreto municipal, esse tipo de estabelecimento pode funcionar até 23 h. Foi constatado que o local já havia encerrado as atividades.


Já na PR-438, em Fernandes Pinheiro, duas pessoas ficaram feridas após o capotamento de uma caminhonete Ford F4000, na manhã de sábado, 17. O acidente foi registrado no quilômetro 13 da rodovia, por volta 9h30. Os dois ocupantes do veículo, de 19 e 33 anos, sofreram ferimentos leves, conforme relatório do Corpo de Bombeiros de Irati, que socorreu as vítimas. Os dois homens foram encaminhados para a Santa Casa de Irati. Segundo a PM de Fernandes Pinheiro, que prestou apoio na sinalização da rodovia, o proprietário da caminhonete esteve no local acompanhado de um guincho. Com isso, o veículo foi removido do local. A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) orientou que o Boletim de Acidente de Trânsito fosse registrado no sistema de forma online.

Em Guamiranga, um celular foi furtado de uma casa na tarde de sábado, 17. A dona da residência disse que não havia sinal de arrombamento no imóvel. Porém, a mulher encontrou a porta aberta ao retornar para o local. A moradora afirmou que fez uma postagem em uma rede social para comunicar o furto. Depois disso, um homem ligou para a vítima com um número privado e relatou que estava com o aparelho furtado. O homem teria solicitado para a vítima depositar R$ 300 em sua conta para devolver o aparelho. Por isso, ela procurou o Destacamento da PM para comunicar o fato.