notícias

Policiais de Rebouças prendem homem por falsidade ideológica e falsificação de documento

JARDIM DA PAZ

Homem estava tentando fazer um saque com o cartão, identidade e CPF da vítima

Destacamento da PM de Rebouças. Foto: Rádio Najuá/Arquivo

A Polícia Militar de Rebouças prendeu um homem por falsidade ideológica e falsificação de documento na terça-feira, 30. Um funcionário de um banco relatou que o suspeito estava dentro da agência tentando fazer um saque com um cartão de outra pessoa. Conforme o funcionário, esse mesmo homem já havia realizado um saque de R$ 1 mil recentemente. Na ocasião, ele falsificou a assinatura. 

A vítima havia realizado o Boletim de Ocorrência do furto dos seus documentos pessoais e cartão bancário. A PM foi acionada e localizou o homem. Ele estava com um cartão, identidade e CPF da vítima tentando fazer outro saque. Durante a abordagem, o homem se apresentou com o nome da vítima. Ele foi detido e conduzido para a Delegacia de Rebouças.

Em Teixeira Soares, um homem foi preso por embriaguez ao volante após um acidente no bairro Cohapar, também na terça-feira, 30. O condutor de um Santana colidiu em uma caminhonete Toyota Hilux, que estava estacionada. A colisão resultou em danos nos dois veículos. Segundo os policiais, o motorista do Santana apresentava sinais de embriaguez, como hálito etílico e dificuldade para falar. Ele foi submetido ao teste do bafômetro, que teve resultado de 0,81 mg/l de álcool no organismo. Por isso, o condutor foi levado para a Delegacia. Já o carro foi recolhido ao pátio do Destacamento da PM de Teixeira Soares, pois tinha débitos relativos ao não pagamento do licenciamento desde 2014.

Quer receber notícias locais?

Em Irati, os policiais prenderam um homem que estava com aproximadamente 30 metros de fio de cobre que haviam sido furtados. Os objetos foram encontrados na mochila de um homem abordado na rua Trajano Gracia na terça-feira, 30. Ele confirmou aos policiais que havia furtado os fios de cobre das luminárias públicas. O homem foi encaminhado para a Delegacia.

Já em Inácio Martins foi registrada uma discussão entre um casal na rua Castelo Branco, na Vila Nova. Uma denúncia indicava que havia ocorrido uma briga e que a mulher estava ferida. Porém, a mulher disse que havia saído de casa há quase um mês e que ontem voltou na residência. Na oportunidade, ela teve uma discussão com seu companheiro. No entanto, ela alegou que não houve agressão física. Mesmo assim, ela foi encaminhada ao Pronto Atendimento de Inácio Martins para ser avaliada. Já o homem foi levado para o Pronto Atendimento para realizar o laudo de lesões corporais. Posteriormente, os dois foram conduzidos para a Delegacia de Irati, pois a mulher demonstrou interesse de representar contra o convivente em virtude das ameaças recebidas. Além disso, ela apresentou lesões leves no laudo realizado pelo médico de plantão.