Publicidade Topo

notícias

Cinco iratienses faleceram em virtude do coronavírus no fim de semana

Dois homens e três mulheres morreram por complicações causadas pela doença. Município já registrou 47 óbitos por Covid-19

Imagem do setor para atendimento de pacientes com Covid-19 instalado no Pronto Atendimento Municipal. Foto: Luciane Batista

Cinco moradores de Irati morreram em função da Covid-19 no final de semana. Na sexta-feira, 19, uma mulher, de 58 anos, faleceu no hospital de Laranjeiras do Sul, onde estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde 28 de fevereiro. 

No sábado, 20, mais dois óbitos foram registrados. Uma mulher, de 83 anos, morreu no Pronto Atendimento Municipal. Ela havia sido diagnosticada com a doença no final de fevereiro. Segundo o Departamento de Vigilância Epidemiológica, a idosa não estava se sentindo bem e foi encaminhada ao Pronto Atendimento, onde faleceu na manhã de sábado, sem tempo para transferência. Já na tarde de sábado, a secretaria de Saúde confirmou a morte de um homem, de 79 anos, que faleceu na UTI da Santa Casa de Irati. Ele estava internado desde o dia 11 de março. 

Neste domingo, 21, foram registrados mais dois óbitos. Uma das vítimas foi o vereador Ailton Laroca, de 63 anos, que estava internado desde o dia 27 de fevereiro na UTI da Santa Casa. Uma mulher, de 62 anos, também faleceu por complicações causadas pela doença na tarde de domingo, 21. Ela estava internada na UTI da Santa Casa de Irati desde o dia 21 de fevereiro. Essa mulher foi a única dos cinco pacientes que faleceram que não tinha comorbidades, conforme o Departamento de Vigilância Epidemiológica. 

Com as cinco mortes, Irati passou para 47 óbitos em virtude do coronavírus desde o início da pandemia. O município totaliza 3.720 casos no período de um ano da pandemia e já teve 3.546 pacientes recuperados. 103 pessoas infectadas estão em isolamento domiciliar e 24 internadas, sendo 17 em leitos de enfermaria, seis em UTIs e uma no Pronto Atendimento Municipal. 46 iratienses aguardam resultado dos testes. 

Quer receber notícias locais?