Publicidade Topo

notícias

Adolescente é morto com um tiro durante assalto em mercado

Policiais já identificaram os autores do crime, que estão sendo procurados pelos órgãos de segurança

Assalto ocorreu em um mercado em Imbituva. Foto: WhatsApp/Divulgação

Um adolescente foi morto com um tiro durante um assalto em um supermercado em Imbituva na tarde de terça-feira, 10. Funcionários e pessoas que presenciaram o crime disseram que dois homens armados entraram no estabelecimento e anunciaram o assalto. Após roubarem uma quantia em dinheiro dos caixas, um dos assaltantes realizou um disparo que acertou o abdômen de um dos funcionários do estabelecimento, que não havia esboçado reação durante o assalto. Os bandidos fugiram a pé em direção ao bairro Miraluz. 

Pedro Henrique Rocha, de 16 anos, morreu após dar entrada no Pronto Atendimento de Imbituva. A secretaria de Esportes e Recreação de Imbituva postou uma homenagem ao jovem nas redes sociais. Pedro havia representado a cidade em competições de futsal. “Nossos sinceros sentimentos e força a família do atleta nesse momento de dor. Pedro representou inúmeras vezes nossa cidade na modalidade de Futsal”. Policiais militares de Imbituva realizaram buscas por mais de dez horas ininterruptas com apoio de equipes das cidades vizinhas de Ivaí e Guamiranga e da Polícia Civil. As diligências permitiram a identificação dos autores do assalto, que até agora não foram localizados.

“Diversas diligências vêm sendo realizadas visando a completa elucidação do crime e prisão dos criminosos. As investigações estão em estágio avançado, com identificação de suspeitos e prosseguem para que seja possível, o mais breve possível, realizar a prisão destes criminosos. Qualquer informação pode ser repassada através do 190 ou no WhatsApp e telefone da Delegacia de Imbituva 3436-1177”, afirma o delegado Luiz Gustavo de Souza Timossi.

 Quer receber notícias locais?

Segundo a Polícia Civil, um dos homens que está sendo procurado é Hemerson Padilha, conhecido pelo apelido de Touceira. Ele já estava sendo procurado por suspeita de participação em um roubo no dia 2 de fevereiro em Imbituva. “Trata-se de indivíduo de extrema periculosidade, com histórico de crimes graves contra a vida. Qualquer informação sobre o paradeiro deve ser imediatamente repassada a polícia”, solicita a Polícia Civil.

Em Rebouças, um jovem, de 21 anos, descumpriu uma medida protetiva. A mãe do rapaz acionou a PM depois que constatou que o filho estava no pátio de sua residência na rua Francisco Perussolo, na Vila Operária. A ocorrência foi registrada na tarde de ontem, 9. Policiais estiveram no local, mas o jovem já havia saído. A equipe realizou buscas, mas não conseguiu encontrá-lo.

Já em Irati, um homem procurou a Polícia Militar para comunicar o desaparecimento de sua convivente. Ele disse que deu uma quantia em dinheiro para a mulher na segunda-feira, 8, e saiu para trabalhar. Depois disso, ele tentou contato com a mulher várias vezes e não conseguiu. Ontem, 9, ao retornar do trabalho, o morador encontrou a porta da casa fechada. Ele arrombou a porta e constatou que a mulher não estava no local. O homem encontrou alguns vestígios de entorpecentes. Policiais foram até os possíveis locais onde ela poderia estar e tentaram obter contato telefônico com a mulher. Porém, ela não atendeu às ligações e não foi localizada.