Publicidade Topo

notícias

Secretaria de Meio Ambiente identifica pessoa que realizou descarte irregular de lixo

Dados da placa do veículo usado pelo autor do descarte permitiram identificá-lo. Vários materiais foram descartados na Serra do Nhapindazal impedindo até o trânsito de veículos no local

Vários materiais foram jogados em estrada na Serra do Nhapindazal. Foto: Secretaria de Meio Ambiente de Irati

A secretaria de Ecologia e Meio Ambiente de Irati constatou o descarte irregular de lixo na Serra do Nhapindazal. Pedaços de forro, colchão, almofada, peças de ventilador quebrado, poltrona, vaso sanitário, calota de carro e restos de um animal possivelmente um carneiro foram encontrados no local. 

Uma ouvinte da Najuá entrou em contato com a emissora para expor a situação. Ela disse que seus pais moram na localidade e não conseguem passar pelo local onde está o lixo, pois os materiais estão trancando a estrada, impossibilitando a passagem até de trator. A secretária Magda Lozinski disse que a vistoria realizada no local confirmou as informações citadas na denúncia. Moradores repassaram a marca, o modelo e a placa do veículo que fez o descarte irregular. Com isso, foi possível identificar o proprietário do automóvel.  

Quer receber notícias locais?

“Já constatamos de quem é a propriedade rural onde foi disposto esse material e a gente estará entrando em contato com o proprietário do veículo, bem como o proprietário do imóvel, que também é corresponsável dessa situação. A gente entende que o proprietário do imóvel talvez nem saiba desse descarte incorreto, mas a gente precisa que o pessoal tome o máximo de cuidado em relação a essas situações. Só ontem, 25, recebemos essa denúncia da Serra do Nhapindazal e também uma denúncia da estrada da Pedra Preta, onde também teve veículos que foram descartar resíduo na beira da estrada”, afirma. 

A secretaria de Ecologia e Meio Ambiente recomenda as pessoas que flagrarem esse tipo de descarte irregular de lixo para registrarem imagens e vídeos, por meio do celular. Assim, é possível identificar e punir o autor do fato. Denúncias podem ser feitas na Ouvidoria Municipal e na secretaria de Ecologia e Meio Ambiente. A multa para quem comete esse tipo de infração é de seis Unidades de Referência Municipal (URM), o que corresponde a R$ 485 aproximadamente. Além de pagar a multa, a pessoa é obrigada a retirar o material onde ela descartou. 

Partes de um animal morto semelhante a um carneiro foram encontrados no local. Foto: Secretaria de Meio Ambiente de Irati

Foto: Secretaria de Meio Ambiente de Irati

Foto: Secretaria de Meio Ambiente de Irati