notícias

Objetos são furtados de veículos no pátio de máquina da prefeitura de Teixeira Soares

Invasores furtaram bateria de uma caminhonete e um estepe de um Fiat Strada, além de causarem outros danos 

Foto: PM/Divulgação

Um furto foi registrado no pátio de máquinas da prefeitura de Teixeira Soares. O secretário de Obras do Município disse que ao chegar para trabalhar na manhã de ontem, 22, constatou que alguns veículos haviam sido danificados. Uma Ecosport que pertence à Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar) teve danos na grade dianteira. Os invasores ainda danificaram uma capa de proteção das baterias de dois caminhões e furtaram uma bateria de 100 amperes de uma caminhonete e um estepe aro 14 de um Fiat Strada. 

A Polícia Militar realizou patrulhamentos, mas não conseguiu localizar suspeitos do furto. Os funcionários da prefeitura de Teixeira Soares foram orientados para registrar Boletim de Ocorrência na Delegacia de Teixeira Soares.

Em Rebouças, a unidade de atendimento da Sanepar foi alvo de vandalismo na madrugada de ontem, 22. Segundo a PM, os vidros da frente foram quebrados com tijolos de paver, sendo que um deles foi encontrado na calçada e outro em cima de uma mesa na área interna do imóvel. Os vândalos ainda danificaram um portão de entrada dos carros. Nenhum suspeito de ter causado os danos foi localizado.

Em outra ocorrência em Rebouças, uma mulher relatou que é constantemente ameaçada pelo marido. Ele teria dito que ia matá-la caso ela saísse da casa. O homem ainda ameaçou os familiares da esposa. De acordo com a vítima, as ameaças são constantes e acontecem há vários anos. Porém, ela disse que não tinha denunciado o marido com medo da atitude que ele pudesse tomar. O homem saiu da casa antes da chegada da PM. A moradora foi orientada quanto aos procedimentos para solicitar uma medida protetiva. A mulher relatou que ia passar a noite na residência de sua mãe e que decidirá posteriormente o que fazer.

Em Rio Azul, um homem ameaçou matar a esposa e encurralou ela no banheiro da casa. A moradora da localidade do Butiazal entrou em contato com o Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS), que acionou a PM. De acordo com a vítima, o autor da ameaça estava embriagado e já havia agredido ela em outras oportunidades. A mulher ainda afirmou que seu convivente costuma chegar na residência embriagado. Além disso, ele ameaça os filhos e quebra os objetos da casa. Como a mulher demonstrou interesse de representar contra o marido, ambos foram conduzidos para a Delegacia de Rebouças, que responde pelo município de Rio Azul.

Em Irati, um homem agrediu o filho e a esposa com socos no rosto. Ao chegarem na residência do casal após receberem uma denúncia, os policiais flagraram o homem agarrando a mulher e tentando agredi-la. O morador foi contido pela PM. Ele foi conduzido para a Delegacia, assim como as vítimas.

Ainda em Irati, a PM apreendeu três motos que estavam com o escapamento alterado e apresentavam débitos na documentação. Durante abordagem foi constatado que nenhum condutor transportava objetos ilícitos. Na primeira situação, os policiais verificaram que o silenciador do motor estava deficiente ou inoperante. A segunda abordagem ocorreu em uma moto Honda CG 150, que estava com o escapamento em desacordo com a resolução 228 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). A última situação também envolveu uma moto Honda CG 150. Foi constatado que o condutor não tem Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e a moto não tinha luzes de sinalização dianteira. Já o freio dianteiro estava danificado.