notícias

Irati deverá realizar concurso público neste ano

Ainda não há previsão de data para o concurso público, mas a expectativa é que o processo tenha continuidade após a o fim do período de afastamento do prefeito Jorge Derbli para recuperação do Covid-19

Ieda disse, no Meio Dia em Notícias, que orientação do prefeito continua para que o concurso seja realizado neste ano, porém ainda não há previsão de data para acontecer. Foto Jussara Harmuch

A prefeitura de Irati deverá realizar um concurso público ainda neste ano. A informação foi confirmada pela prefeita em exercício, Ieda Waydzik (PV), entrevistada no Meio Dia em Notícias na quarta, dia 6. Ela está à frente da prefeitura até fevereiro, quando termina o prazo de afastamento de Jorge Derbli para recuperação da Covid-19.

“Na época da campanha, nós já tínhamos feito um estudo com relação ao limite prudencial do município, porque tudo gira em torno deste limite. Graças a Deus, ele ainda está baixo, ele não está acima daquilo que o Tribunal de Contas preconiza e isso nos possibilita tecnicamente de fazer um concurso público”, conta. 

Segundo Ieda, a orientação do prefeito continua para que o concurso seja realizado neste ano, porém ainda não há previsão de data para acontecer. A expectativa é que o processo tenha continuidade após a volta do prefeito, no dia 2 de fevereiro.

Ieda destaca que há a necessidade para o concurso. “Nós sabemos que existem muitas necessidades de servidores, em todas as áreas nós temos necessidade. Muitos se aposentaram, aproximadamente, 123 servidores se aposentaram nesses últimos anos e isso faz uma diferença muito grande dentro da administração”, relata. 

Quer receber notícias locais?

Secretariado: Boa parte do secretariado da prefeitura de Irati deverá ser mantido neste início de ano. Apenas algumas pastas, como a de Meio Ambiente, terão secretários interinos. Pastas mais importantes como a de Saúde, Administração, Fazenda Pública, Ação Social, Serviços Urbanos e Rurais deverão continuar com os mesmos secretários, respectivamente Jussara Aparecida Kublinski Hassen, Daniele Cavalli, Juarez Miguel da Silva, Sybil Dietrich e Amarildo José Polo.

De acordo com a prefeita em exercício, a orientação é que eles sejam nomeados nestas principais pastas e nas restantes, serão servidores da pasta que assumirão temporariamente a Secretaria.  “Toda as outras pastas não terão solução de continuidade porque serão nomeados secretários interinos, aqueles funcionários efetivos que já atuam nessas pastas, que trabalham já lá, vão dar continuar a todos os serviços que a prefeitura presta, vão estar lá para atender a população. O que queremos é que a estrutura administrativa funcione tranquilamente, que o público não sofra e na sequência, quando o prefeito retornar, com certeza, com sua saúde plenamente restabelecida, ele fará as nomeações dos demais para compor o corpo administrativo”, explica.

Ela comenta que a restruturação já é algo previsto. “No final do ano todos os servidores que eram comissionados foram exonerados, todas as verbas foram pagas e ficamos somente com o corpo técnico-administrativo dos servidores efetivos. Nesse início de novo mandato, há a necessidade de os secretários, os cargos de confiança sejam novamente reavaliados e alguns deles renomeados para que a estrutura administrativa possa funcionar adequadamente”, disse.