notícias

Homem comete furto em farmácia de Rebouças

Rapaz foi localizado e confessou o furto de um creme para cabelos. Ele foi liberado em seguida

Foto Polícia Militar

Uma farmácia foi alvo de furto em Rebouças. A ocorrência foi registrada na quinta-feira, 31. De acordo com a Polícia Militar (PM), um funcionário do estabelecimento informou que um homem de pele parda, que trajava uma blusa preta com detalhes na cor verde e bermuda branca com xadrez, furtou um creme para cabelos, no valor de R$ 33.

Policiais verificaram as imagens das câmeras de segurança do local e fizeram patrulhamento em seguida. O homem foi encontrado na Vila Facão. Durante a abordagem, foi encontrado o produto descrito pelo funcionário da farmácia. Ele confessou o furto e disse que já havia participado de outra ação na segunda-feira, 28, no mesmo estabelecimento.

O homem foi levado até a farmácia, onde foi reconhecido pelo solicitante, que não demonstrou interesse na representação por conta do baixo valor do produto. Foi feito o Boletim de Ocorrência e o autor foi liberado em seguida.

Na quinta-feira, uma mulher acionou a PM e contou que se deslocou juntamente com seu namorado até a residência de sua cunhada, no Riozinho. Ela afirmou que o rapaz é usuário de drogas e que o casal discutiu durante o deslocamento. Ele ficou exaltado e ameaçou a vítima, tentando agredi-la. Depois, o autor quebrou o celular dela, pegou as chaves do automóvel Celta e fugiu do local. Ele não foi localizado.

Quer receber notícias locais?

Em Fernandes Pinheiro, uma mulher relatou à Polícia Militar que algumas telhas e o forro de PVC de sua residência foram danificados por bombinhas. Ela foi orientada sobre as ações previstas pela PM e optou por representar posteriormente contra os autores dos danos.

Em Irati, a PM registrou dois casos de furtos na quinta-feira, 31. O primeiro deles ocorreu em um estabelecimento comercial da Rua Carlos Thoms. Uma funcionária relatou que deixou seu telefone celular em seu armário. Quando ela foi pegar o aparelho, percebeu que ele havia sido furtado. Mais tarde, na Vila Verde, uma mulher relatou que, ao chegar em casa, se deparou com a porta arrombada e o imóvel revirado. Ela sentiu falta de algumas peças de roupas e de um notebook. Nenhum suspeito foi localizado.

Já na tarde de quinta-feira, uma solicitação anônima dava conta de que algumas pessoas estavam nas dependências das obras abandonadas do Centro Cultural Denise Stoklos com uma TV, que possivelmente seria produto de furto. Um deles foi abordado e disse que o aparelho havia sido deixado no local por outro homem na quarta-feira, 30. Além da TV, policiais encontraram também um relógio no local. Os objetos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil.

Na Rua Adão Panka, uma residência teve uma janela e a porta arrombadas, porém nada foi levado do local. Em outra ocorrência, uma mulher relatou que, ao passar pela Rua Doutor Correia, na área central, viu um homem jogar uma garrafa de vidro contra a porta de um estabelecimento comercial, que acabou se quebrando. O proprietário do estabelecimento foi orientado quanto aos procedimentos futuros. O suspeito não foi localizado.