notícias

Sexagem fetal: o que é o exame para saber o sexo do bebê e quando fazer

A sexagem fetal é um procedimento não invasivo, realizado por meio da coleta de sangue da gestante e que através de amostras de fragmentos de DNA identifica o sexo do bebê

Administrador do Laboratório Sekula de Irati, Vitor Smolka. Foto: Jussara Harmuch

Em entrevista no programa “Espaço Cidadão” da Super Najuá FM 92.5, o administrador do Laboratório Sekula de Irati, Vitor Smolka, explicou como é feito o exame de sexagem fetal, que é um procedimento não invasivo, realizado por meio da coleta de sangue da gestante e que através de amostras de fragmentos de DNA identifica o sexo do bebê. 

De acordo com Vitor, o exame deve ser feito a partir da 8ª semana de gestação. “O exame de sexagem fetal vai revelar o sexo do bebê. Ele revela de uma forma precoce com relação à ultrassonografia, que é aquele momento em que passa a ter o formato de ser humano, onde passa de embrião para feto, o que acontece por volta da 8ª semana. É feito uma coleta de sangue, e no sangue da mãe a gente consegue encontrar o DNA desse feto”, comentou o administrador do Laboratório. 

O exame identifica a presença ou não do cromossomo Y, que faz parte da genética masculina. Caso só tenha a presença de cromossomos X, o resultado indica a gravidez de uma menina. “A gente procura pelo DNA masculino, que a diferença é no cromossomo sexual. Apesar de pequena, é uma molécula bastante complexa. Tem regiões [da molécula] que são exclusivas do sexo masculino. Então, se o teste der positivo, significa que é menino”, explica Vitor. 

Ele disse existem algumas curiosidades a respeito do procedimento. Como o exame busca pelo cromossomo masculino, a amostra não pode ser coletada por um homem para evitar uma possível “contaminação” por material genético. “Tem uma curiosidade sobre o teste é que ele não pode ser coletado por um homem, pois o DNA sai na saliva e na pele e essas células estão repletas de material genético. Então é preciso que seja coletado por uma mulher”, destaca.

Vitor explicou também como é feita a identificação do sexo dos bebês em caso de gravidez de gêmeos. “O exame também leva em consideração gestações gemelares. Se no teste der feminino, quer dizer que os dois gêmeos (ou mais), são mulheres. Se der masculino, então quer dizer que somente um vai ser masculino”, relata. 

Quer receber notícias locais? 

O exame de sexagem fetal não possui contraindicações e a gestante não precisa estar em jejum. O procedimento dura entre cinco e dez minutos e não oferece nenhum risco para a mãe e o feto. Em Irati, o procedimento pode ser realizado no Laboratório Sekula, na rua XV de Novembro, número 795, das 7h às 17h sem a necessidade de agendamento.  

Texto de Lenon Diego Gauron, com reportagem de Juarez Oliveira