Publicidade Topo

notícias

Homem é atingido por disparo de arma de fogo em Irati

Vítima foi ferida na perna na Avenida das Torres, no Alto da Lagoa

Foto Arquivo Najuá

Um homem foi ferido com um disparo de arma de fogo em Irati. A ocorrência foi registrada na noite de ontem, 30, na Avenida das Torres, no Alto da Lagoa. Segundo a Polícia Militar, a vítima relatou que ouviu alguns estampidos no momento em que foi atingido por um tiro na parte traseira da coxa. Em seguida, ele foi encaminhado para a Santa Casa de Irati, onde recebeu atendimento médico. Nenhum suspeito foi localizado.

A PM também registrou dois casos de ameaça. Na primeira situação, policiais foram até a Rua Trajano Gracia. O solicitante informou que sua ex-esposa esteve na casa dele. O casal discutiu e em seguida ela o empurrou e disse que iria se lesionar para denunciá-lo por violência doméstica.

Em outra ocorrência, uma mulher disse que foi agredida pelo filho na terça-feira, 29. Ele teria passado a noite na casa da mãe, que tem uma medida protetiva contra o agressor. Policiais estiveram no local, mas o rapaz havia saído.

Ainda em Irati, a Polícia registrou dois furtos. No primeiro caso, policiais foram até a Rua Professor João Anastácio Delle. O solicitante informou que deixou seu automóvel Corsa aberto e com as chaves na ignição. Em consequência disso, o veículo foi furtado. Foram feitas buscas, mas o carro não foi encontrado.

Em outra ocorrência, uma mulher compareceu à sede da 8ª Companhia relatando que estava trabalhando em seu estabelecimento comercial quando percebeu que uma pessoa pulou a janela do escritório e furtou sua bolsa com dinheiro, cartão de banco, óculos de sol e documentos.

Quer receber notícias locais? 

Já na noite de ontem, um homem informou que seu irmão chegou em casa alterado e estava ameaçando e xingando sua mãe. A ocorrência foi registrada no Conjunto Cruzeiro do Sul. No local, a vítima relatou que não houve ameaça, mas afirmou que o rapaz quebrou um pinheirinho de natal e que estava proferindo palavras de baixo calão, xingando a mãe de bêbada. Apesar disso, ela decidiu não representar contra o filho. O autor disse que sairia de casa e passaria a noite com a namorada.

Ainda na manhã de ontem, policiais estiveram no bairro Fósforo, onde o solicitante relatou que um homem saiu de uma mata próxima à Rua Inácio Ozinski. Ele carregava uma mochila que continha vários objetos, como pares de tênis, peças de roupas, mochila de viagem, cobertor, dinheiro, máquina de cortar cabelo, notebook, tablet, chaves e uma balança de precisão, todos produtos de furto. Durante tentativa de abordagem, o autor conseguiu fugir e abandonou a mochila. 

Já em Inácio Martins, uma senhora informou que um rapaz conhecido do meio policial chegou em sua residência vendendo uma TV de 32 polegadas por R$ 200. Ele foi abordado e investiu contra os policiais com empurrões, socos e chutes, tentando se desvencilhar. A equipe fez uso de força moderada para contê-lo. O aparelho tinha as mesmas características de uma TV furtada dias antes. A proprietária do objeto esteve na residência e reconheceu o equipamento.

O autor ainda foi questionado sobre um pneu estepe de uma caminhonete Fiat Strada, que ele havia furtado na mesma data da TV. Ele disse que vendeu o produto para um morador da Vila Borges. No local, o homem confirmou as informações e disse que pagou R$ 20 pelo pneu e que adquiriu uma bateria de 60 amperes por R$ 50. Os objetos foram entregues para a PM.

Em seguida, o autor relatou que teria vendido dois galões de óleo de moto, que também eram produtos de furto, para um homem na localidade de Rio Pequeno. O morador confirmou que trocou o óleo por 10 litros de gasolina. Os galões estavam abertos e quase cheios e também foram entregues para os policiais. Os envolvidos em todas as situações foram encaminhados para o Destacamento da PM, onde foi elaborado o Boletim de Ocorrência. Em seguida, eles foram levados para a Delegacia de Irati.