Publicidade Topo

notícias

Estado de saúde de Derbli continua estável, diz Santa Casa


Segundo informações da Assessoria de Comunicação do hospital, prefeito permanece internado e faz uso de oxigênio, mas tem boa saturação

Estado de saúde do prefeito Jorge Derbli (PSDB) é estável, segundo boletim divulgado pela Santa Casa de Irati Foto Arquivo Najuá

O estado de saúde do prefeito Jorge Derbli (PSDB) se manteve estável nas últimas 48 horas, de acordo com boletim divulgado na tarde desta segunda-feira, 21, pela Santa Casa de Irati. De acordo com informações fornecidas pelo médico de plantão, João Henrique Sabag Duarte, Derbli está fazendo uso de oxigênio, porém mantém boa saturação. Já a primeira-dama, Maria de Fátima, e o secretário de Obras e Serviços Urbanos, Wilson Pedroso (Buzina) continuam internados na enfermaria Covid-19, em isolamento. Ambos apresentam quadro de saúde estável.

Derbli, a primeira-dama e o secretário estão internados desde a última quarta-feira, 16, quando tiveram complicações causadas pelo coronavírus. O prefeito foi diagnosticado com Covid-19 no dia 10. No dia anterior, o prefeito havia apresentado um quadro de tosse. Já no dia seguinte, teve febre e imediatamente realizou um teste rápido, que confirmou a contaminação. Segundo informações repassadas pela secretaria de Comunicação no dia 10, Derbli havia apresentado sintomas leves, mas estava bem-disposto. Desde então, o gestor permanecia em isolamento domiciliar e estava trabalhando de forma remota.

Quer receber notícias locais?  

Taxa de ocupação de leitos na Santa Casa

Conforme boletim da Santa Casa divulgado na manhã de hoje, a taxa de ocupação de leitos de enfermaria Covid chegou a 100%, com 7 pacientes internados, e de UTI atingiu 50%, com 2 pacientes.

Número de casos em Irati

Desde sábado, 19, até a tarde de hoje, Irati já havia confirmado mais 23 casos de Covid-19, sendo 7 somente nesta segunda-feira. Segundo dados da plataforma Ecovid-19, o número de casos no município desde o início da pandemia chegou a 2420. Destes, 80 estão em investigação, 102 em isolamento domiciliar, 9 estão internados e 2289 se recuperaram. 21 pessoas morreram por complicações causadas pela doença.