notícias

Morador de Prudentópolis é agredido e tem o carro danificado

Autores das agressões e dos danos no automóvel haviam pedido carona para a vítima

Foto: 4ª Cia da PM 

Um homem foi agredido e teve o carro danificado na madrugada de domingo, 8, na rua São Josafat, no centro de Prudentópolis. O proprietário do automóvel disse que transitava na via pública quando foi abordado por três pessoas que pediram carona. Em seguida, o motorista levou os homens até uma boate. Lá, o condutor foi agredido pelos suspeitos, que ainda quebraram os vidros do veículo com pedras e amassaram a lataria. A Polícia Militar foi acionada e realizou patrulhamentos para tentar localizar os agressores e autores dos danos. Porém, ninguém foi encontrado. 

Ainda na madrugada de domingo, 8, policiais abordaram dois motociclistas sem habilitação no centro da cidade. Eles conduziam uma moto Honda CG 125 Fan e uma Honda CG 150 Titan. Os veículos também apresentavam débitos no licenciamento. A condutora de um Fiat Palio apresentava as mesmas irregularidades. Ela não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e também tinha débitos no licenciamento. As motos e o carro foram recolhidos ao pátio da 4ª Cia para serem conduzidos até a 97ª Ciretran de Prudentópolis. 

Em outra ocorrência, uma residência foi arrombada na Vila das Flores, na tarde de domingo, 8. Policiais estiveram no local e constataram que o imóvel havia sido revirado. Uma vizinha relatou que percebeu o arrombamento, mas não conseguiu ver quem invadiu a casa. Um outro vizinho observou o momento que um homem pulou o muro da residência. Ele estava com uma sacola amarela. O invasor estava usando bermuda e chinelo. Entretanto, não usava camisa. Uma bolsa feminina com documentos foi encontrada nos fundos do terreno. A PM não conseguiu verificar se algum objeto foi furtado, pois a proprietária da casa não estava no local. Os policiais realizaram buscas, mas não conseguiram encontrar o homem que invadiu a casa.

Quer receber notícias locais?

Também na Vila das Flores, a PM foi acionada para atender uma ocorrência de violência doméstica no fim da tarde de domingo, 8. Conforme a denúncia, um homem estava agredindo uma mulher dentro de uma residência. De acordo com as informações recebidas pelos policiais, a moradora estava gritando para pedir socorro. A equipe foi até o local e constatou que o casal estava discutindo. O homem apresentava sinais de embriaguez. Já a mulher negou que tivesse sido agredida. Por isso, os moradores foram apenas orientados sobre os procedimentos a serem adotados. 

No sábado, 7, a PM de Prudentópolis atendeu duas ocorrências. Na Avenida São João, uma mulher relatou que seu convivente a abordou na via pública e começou a agredi-la. O homem tentou colocar a mulher a força dentro do veículo. A vítima disse que o fato ocorreu depois que ela descobriu que o marido tem um outro relacionamento amoroso. A mulher não apresentava lesões aparentes. Ela não quis representar contra o esposo, que não foi encontrado pelos policiais. 

Já na localidade de Bracatinga, duas pessoas foram agredidas. Uma das vítimas afirmou que seus filhos estavam jogando bola no pátio da casa no momento que um veículo Gol realizou uma manobra perigosa (cavalinho de pau). Logo depois, o morador tentou argumentar porque o motorista tomou essa atitude. Neste momento, uma terceira pessoa interviu e teve início uma discussão. Em seguida, duas pessoas foram atingidas. As vítimas e o agressor foram encaminhados para a sede da 4ª Cia para que fosse registrado o Termo Circunstanciado.