notícias

Homem agride padrasto com socos e chutes

Homem agredido desistiu de representar contra o enteado

Foto: PM/Divulgação

Um homem agrediu o padrasto com socos e chutes na noite de sábado, 28, em Irati. O autor das agressões foi localizado pela Polícia Militar no momento que estava correndo sem camisa na rua Francisco Letchacoski. Ele confirmou que se envolveu em uma briga com o padrasto. 

A vítima apresentava um pequeno ferimento na boca. O agressor e a vítima foram conduzidos até a sede da 8ª Cia para que fosse registrado o Termo Circunstanciado. Porém, o homem agredido desistiu de representar contra o enteado. Por isso, ele foi apenas orientado sobre os procedimentos a serem adotados. 

Outra pessoa foi agredida na rua Paulo Xisto, em Irati, na noite de sábado, 28. Um popular relatou aos policiais que avistou quando um homem desceu de um veículo Voyage e agrediu uma pessoa que caminhava na via pública. A vítima sofreu ferimentos no rosto. O autor da agressão não foi localizado. Já o homem atingido apresentava sintomas de embriaguez e disse apenas que o motivo da agressão foi uma briga de família. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas o homem recusou atendimento médico.

 Quer receber notícias locais?

No início da madrugada de domingo, 29, uma mulher foi ameaçada pela vizinha depois de denunciá-la por perturbação de sossego. A ocorrência foi registrada na Avenida Teixeira Soares. A Guarda Municipal havia encaminhado as duas mulheres para a Delegacia. Quando retornou para a casa, a autora da denúncia foi ameaçada pela vizinha. A PM prestou apoio aos guardas para conduzir a autora da ameaça novamente para a Delegacia. 

Em Imbituva, um jovem, de 20 anos, assinou Termo Circunstanciado por desacato. Na noite de sábado, 28, a PM foi solicitada para atender uma ocorrência de perturbação de sossego. No local, os policiais tiveram contato com a proprietária do imóvel. Neste momento, um homem desacatou a equipe. Por isso, ele foi encaminhado para a sede do 3º Pelotão para assinar o Termo Circunstanciado.

Também no sábado, 28, um outro homem foi autuado pelo crime de desobediência. Conforme informações recebidas pela PM, havia ocorrido uma briga e um dos envolvidos portava uma faca. Os policiais constataram que algumas pessoas estavam discutindo na via pública. Um homem não acatou as solicitações e partiu na direção dos policiais. Em razão da denúncia indicar que um homem estava portando uma faca e visando resguardar a integridade física da equipe, os policiais usaram um dispositivo elétrico para conter o jovem, de 23 anos. Ele foi conduzido para a sede do 3º Pelotão para assinar o Termo Circunstanciado por desobediência. Os envolvidos na briga não quiseram exercer o seu direito de representação criminal.