notícias

Alceu Hreciuk fala como será sua participação na gestão municipal

Candidato a vice-prefeito de Irati do PDT comentou sobre as propostas para o município durante série de entrevistas promovidas pela Najuá

Alceu Hreciuk é o candidato a vice-prefeito da Coligação Irati Pode Mais formada pelo PDT e PSB. A candidata a prefeita da coligação é Rafaela Ferencz. Foto: Jussara Harmuch
.
O candidato a vice-prefeito de Irati, Alceu Hreciuk (PDT), participou da entrevista realizada pela rádio Najuá, onde comentou sobre as propostas para o município e também sua atuação numa futura gestão municipal.

As entrevistas com os candidatos a vice-prefeitos são realizadas em conjunto. As regras foram enviadas com antecedência, assim como as perguntas, que foram as mesmas para todos. O tempo para resposta é de até três minutos. Nas considerações finais, os candidatos têm dois minutos. Nesta entrevista, o candidato a vice-prefeito de Irati, Leoni Ribas (PC do B), também comentou suas propostas. Clique aqui para ver como foi a entrevista.

Ouça o áudio da entrevista com Alceu no fim do texto

Atuação na gestão

Alceu destacou que a proposta é fazer uma gestão participativa. “Como vice-prefeito, eu vou ser a peça fundamental nesse trabalho de trazer as demandas da comunidade, dos nossos bairros, nosso interior. Vamos estar junto, presente, participando ativamente da gestão da prefeita Rafaela. Posso dialogar com toda a comunidade responsável pelo orçamento para garantir que todas as propostas sejam viáveis para a nossa comunidade”, conta.

Restrições

Uma das dificuldades dos municípios são restrições orçamentárias. Segundo o candidato, é preciso fazer uma análise. “A questão de análise de disponibilidade de recursos é uma forma de decisão mais acertada. Eu, por exemplo, tenho que administrar bem a minha família, minha casa para ir bem. Na prefeitura não é diferente. Tem que saber administrar os recursos do nosso município para que esses cheguem no final do ano e nós tenhamos um fechamento de contas”, disse.

Ele ainda afirmou que é preciso saber gerenciar os recursos. “Nós sabemos que o FPM [Fundo de Participação dos Municípios], o ISS [Imposto Sobre Serviços] está em queda. Tem que fazer um trabalho juntamente com a equipe administrativa para poder melhor gerenciar este nosso recurso que tão importante é para manter os nossos serviços sociais, manter a saúde, a educação e tudo mais”, explica.

Quer receber notícias locais?

Pós-pandemia

O candidato alerta que o município recebeu recursos para recompensar as perdas orçamentárias durante a pandemia e que é preciso aplicar o valor de forma correta. “O importante é saber que veio um recurso para tentar minimizar a pandemia no momento. O importante é saber se esse recurso foi aplicado como deveria para ações exclusivas de prevenção. E se não foi, deveria ser”, explica.

Para reverter os danos da economia na pós-pandemia, a proposta é gerar mais empregos e investir na diversificação da produção rural. A agricultura será um dos campos onde haverá investimento. “Nós temos dentro do nosso plano de governo, inclusive foi colocado por mim, um projeto de transporte e análise de solo do calcário. Nós vamos ter um técnico disponível para coletar análise lá na casa do produtor e fizemos tabelas para isso, para a nossa agricultura familiar. O agricultor só vai pagar o calcário. A prefeitura vai fazer o transporte. É um projeto muito importante porque o produtor produzindo mais, vai gerar mais renda para o município. O nosso comércio vai vender mais, as nossas empresas vão ter maior poder aquisitivo também”, relata.

Ainda na área da pós-pandemia, outro plano é ajudar as empresas com a facilitação nos impostos. “Com os bons projetos de incentivo à instalação de novas empresas em Irati, através de melhorias do Condomínio Industrial, já damos um importante passo. Mas não é o único. No próximo ano, quando a Rafaela for a prefeita, ela vai parcelar o ISS das empresas aqui constituídas em dez vezes. Também se estuda em parcelar o IPTU [Imposto Predial e Territorial Urbano] porque parcelando vai prorrogar o pagamento e vai ter mais renda na cidade, então com isso, já vai implementar bastante a economia do nosso município”, disse.