notícias

Vítima de acidente na BR-277 jogou no Juventus por mais de dez anos

Márcio Francisco Guimarães, o “Marcinho”, de 42 anos, conduzia um veículo Chevette que foi atingido por caminhão Volvo no trevo que dá acesso à localidade de Rio D’Areia

Márcio Francisco Guimarães. Foto: Facebook/Reprodução

A vítima do acidente registrado na BR-277, em Teixeira Soares, na tarde de sábado, 10, foi o reboucense Márcio Francisco Guimarães, de 42 anos. Ele trabalhava como vendedor e foi atleta do Juventus Futebol Clube, do bairro Engenheiro Gutierrez, em Irati, por mais de dez anos, conforme relato do professor Dimas de Lara Freitas no Facebook. 

“Hoje nosso mundo está abalado. Perdemos um irmão, um companheiro, um amigo, um atleta, um membro da família Juventus. Márcio Francisco Guimarães, o Marcinho. Também chamado carinhosamente pelos amigos de Fuscão ou Barão. Um cidadão simples, carismático, sempre alegre, com quem todos brincavam ou faziam suas ‘brincadeiras’ se referindo às suas características e ele nunca se ‘enfezava’. Ao contrário, sorria junto. Era animado e sempre disposto. Perdeu sua vida terrena de forma abrupta e inesperada. E deixou um vazio que jamais será esquecido, neste grupo espetacular chamado família Juventus onde participou como atleta e companheiro por mais de dez anos. Rendemos aqui nossa homenagem a esse companheiro e pedimos a Deus que o receba conforme seus desígnios. O Juventus Futebol Clube se solidariza com todos seus familiares neste momento de profundo pesar”, disse Dimas em sua postagem.

Quer receber notícias locais?

Márcio havia completado 42 anos no dia 3 de outubro. Ele era casado e residia com a esposa no bairro Joaquim Zarpellon, em Irati. A vítima tinha familiares no interior de Rebouças e foi sepultada no cemitério do Poço Bonito, localidade do município. 

Márcio conduzia um veículo Chevette, que cruzava a BR-277, no trevo que dá acesso à localidade de Rio D’ Areia, quando foi atingido na lateral por um caminhão Volvo, na tarde de sábado, 10. O condutor do Chevette não resistiu aos ferimentos e faleceu no local. O corpo dele foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Ponta Grossa antes de ser liberado para velório e sepultamento. Já o condutor do caminhão não sofreu lesões e realizou o teste do bafômetro com resultado negativo para o consumo de álcool. 

Marcinho como era conhecido jogou por mais dez anos no Juventus Futebol Clube. Foto: Facebook/Reprodução