notícias

Vereadores compõem chapa que concorre à prefeitura de Rio Azul

Leandro Jasinski (PSD) e Jair Boni (PSB) são os candidatos a prefeito e vice da coligação “Rio Azul para Todos”

Vereadores Leandro Jasinski e Jair Boni. Foto: Arquivo Pessoal

O vereador e empresário, Leandro Jasinski (PSD), de 32 anos, é um dos pré-candidatos a prefeito de Rio Azul. Atualmente, ele está no seu segundo mandato no Legislativo. O pré-candidato a vice-prefeito é o vereador Jair Boni (PSB), de 48 anos, que está no seu terceiro mandato consecutivo na Câmara Municipal. Na disputa majoritária, a coligação “Rio Azul para Todos” será formada por PSD, PSB e MDB. Ouça a entrevista completa com o candidato no fim do texto

“Fui eleito vereador com 24 anos para o primeiro mandato. Eu sempre tive uma atuação na Câmara voltada a população, principalmente daqueles que mais precisam. Com bons parceiros conseguimos ajudar o hospital e todas as áreas do município. E assim formamos um grande grupo com bastante apoio de deputados estaduais e federais”, salienta Leandro.  

Ele destaca que a intenção de sua candidatura é de atender as necessidades da população. “Atender principalmente as pessoas naquilo onde elas mais precisam. Hoje é difícil dizer quais são as prioridades. As prioridades são aquilo que você precisa naquele determinado tempo. Ou seja, no agora e a gente vê muitas necessidades que a população necessita em todas as áreas”, avalia o candidato do PSD. 

Leandro também revelou que uma das metas principais é atender os agricultores e dar apoio para que eles tenham uma alternativa de renda para diversificarem as propriedades. “O fumo hoje em Rio Azul é o que mais gera imposto e mais gera renda para nossos agricultores, então merece e precisa um apoio maior por parte do poder público. Mas também não podemos deixar de lado as famílias que buscam outra alternativa de renda que buscam diversificar na propriedade”, disse. 

Para os produtores que estão diversificando a produção, Leandro enfatiza que é preciso investir nas propriedades. “Um grande fator para os produtores que buscam sua diversificação, o que pesa muito é na comercialização e é aí que o município tem que bater forte para buscar essas parcerias. Nós não podemos deixar de lado esses produtores, que além de tudo, fazem de tudo para produzir da melhor qualidade, mas chega na hora da comercialização e não tem o apoio do município. Hoje Rio Azul já conta com um grande caminhão refrigerado que não está atuando na sua finalidade que é atender e puxar as mercadorias que são geradas pelos produtores rurais”, destaca o vereador. 

Ele ainda comentou que a saúde será uma das metas. “Hoje temos uma deficiência muito grande de dentista, tem faltado muito remédio, faltam médicos, então a população, principalmente aqueles que mais precisam, os mais necessitados acabam tendo que partir para a área particular, área privada por faltar muito o atendimento por parte do poder público”, conta. 

Leandro defende que a administração municipal deve distribuir kits escolares para as famílias carentes. “Nós vemos Rio Azul com orçamento de praticamente R$ 50 milhões. Impossível dizer que o município não pode arcar com o kit escolar para as crianças com uniforme e tênis como a gente vê nas cidades vizinhas acontecendo e aqui não. Famílias que tem duas, três crianças, olha o custo que gera no começo do ano para colocar essas crianças na escola”. 

A geração de empregos também deverá ser um dos focos. “Temos um trabalho muito grande na geração de emprego. Eu vejo que muitos jovens que estão à procura de emprego e essa administração não tem tomado nenhuma atitude quanto a esse problema. Nós já temos um trabalho no nosso plano de governo focado no auxílio às micro e pequenas empresas que já estão no município. A criação e geração de novas vagas de emprego”, disse.