notícias

Teixeira Soares promove campeonato de pênaltis

Rei do Chute está sendo disputado no ginásio Romeu Neves nas categorias masculino e feminino
Cobranças de pênaltis são realizadas numa distância de oito metros do gol. Foto: Secretaria de Esportes de Teixeira Soares
Em busca de uma alternativa para evitar o contato entre as pessoas e realizar uma atividade física durante o período de pandemia do coronavírus, a secretaria de Esportes e Lazer de Teixeira Soares está promovendo o 1º Rei do Chute no ginásio Romeu Neves, um campeonato individual de pênaltis que está sendo realizado nas categorias masculino e feminino.

Em entrevista na programação da Super Najuá na semana passada, o Secretário de Esportes de Teixeira Soares, Alyson Platini Xavier Przybysz de Souza, comentou como surgiu a ideia de realizar o campeonato e como ele funciona. "Logo que começou a pandemia, a gente começou a buscar uma solução para fazer alguma coisa diferente e trazer o pessoal novamente para praticar algum esporte, por mais adaptado que ele fosse. Então, eu e a minha equipe, começamos a fazer alguns testes e entramos em contato com a Secretaria de Saúde, mostrei como seria o protocolo e de imediato foi aprovado", relata.

De acordo com Alyson, a ideia é evitar o contato das mãos com a bola. A solução encontrada foi de cobranças consecutivas em vez de chutes alternados entre os competidores.


É um campeonato individual. A pessoa tem que bater e defender as cobranças. São cinco cobranças para cada. Primeiro é feito o sorteio; o atleta que ganha, escolhe se ele defende ou bate primeiro. Então ele vai bater as cinco cobranças dele consecutivas, ou seja, não é alternado como é normalmente uma cobrança de pênalti, justamente para que tenha o menor contato possível das mãos com a bola”, destaca.
O secretário explica ainda como são os procedimentos de higiene em relação às bolas que são utilizadas na competição.

“O batedor não pode encostar a mão na bola, somente o árbitro e o goleiro. Assim que são feitas as cinco cobranças, a bola é higienizada para que o outro goleiro possa encostar a mão”, explica.

Somente os atletas podem entrar no ginásio de Esportes. A população pode acompanhar as disputas pelo Facebook, inclusive com a participação de um narrador, que é a única pessoa que permanece no local sem máscara. Os competidores necessitam utilizar máscara para participar dos jogos. Como o campeonato está sendo realizado em uma quadra de futsal, as cobranças de pênaltis são realizadas com oito metros de distância do gol, em vez dos seis metros tradicionais, para dar mais equilíbrio na competição, de acordo com Alyson. O evento teve a inscrição de 50 homens e 11 mulheres e terá a premiação com troféus para os competidores que ficarem em 1º, 2º e 3º lugares em cada categoria.

Texto de Lenon Diego Gauron, com reportagem de Ademar Bettes e Tadeu Stefaniak
Jogos são transmitidos no Facebook e contam com participação de narrador. Foto: Secretaria de Esportes de Teixeira Soares

Todas as pessoas que entram no ginásio de Esportes têm a temperatura aferida. Foto: Secretaria de Esportes de Teixeira Soares

Fitas foram colocadas para isolar os atletas e evitar o contato entre eles. Foto: Secretaria de Esportes de Teixeira Soares

Álcool gel também é disponibilizado para que os atletas cumpram as medidas de combate ao coronavírus. Foto: Secretaria de Esportes de Teixeira Soares