notícias

PM prende homem que furtou vaso sanitário

Furto ocorreu em uma casa que está em fase final de construção

Autor do furto foi conduzido para a Delegacia de Irati. Foto: Rádio Najuá/Arquivo

A Polícia Militar de Irati prendeu um homem que furtou um vaso sanitário. O homem que acionou a corporação relatou que o contador de energia elétrica de uma casa, que está em fase final de construção na Vila Verde, foi desligado.

O homem repassou as características da pessoa que cometeu o ato. O suspeito foi abordado pelos policiais. Na ocasião, ele estava com um vaso sanitário. A PM constatou que uma porta da residência foi arrombada e que o vaso sanitário havia sido removido do local. Além disso, foi danificado um quadro de disjuntor. O autor do furto foi detido e encaminhado para a Delegacia, assim como o vaso sanitário.

Já na madrugada de hoje, por volta de 1h10, policiais militares receberam uma denúncia anônima de que estava ocorrendo uma aglomeração de pessoas em uma residência na Vila São João. A PM esteve no local e realizou orientações. Porém, elas não foram acatadas. Posteriormente, a Guarda Municipal também compareceu na casa e notificou o proprietário em virtude do descumprimento do decreto municipal, que determina medidas de combate ao coronavírus. As pessoas que estavam no local foram orientadas para retornarem as suas casas.

Quer receber notícias locais?

Em outra ocorrência atendida pela Guarda Municipal, uma mulher entrou em contato com os agentes na tarde de ontem, 24, para informar que foi vítima do golpe do cartão de crédito. A moradora relatou que recebeu uma ligação informando que ela havia realizado uma compra de R$ 1.500. A pessoa que estava na linha teria dito que a mulher deveria repassar os dados do cartão para finalizar a compra. 

O golpista ainda disse que um motoboy passaria na residência da vítima para pegar seus cartões e que ela não poderia desligar o celular por 20 minutos. Nesse período, a vítima foi até uma agência bancária, onde foi informada que era um golpe. Os guardas municipais acompanharam a moradora até a sua casa e repassaram orientações para que ela cancelasse o cartão, já que a vítima havia repassado alguns dados aos golpistas. A mulher também foi orientada para procurar a Delegacia para registrar o Boletim de Ocorrência.

Já em Rebouças, um homem chegou em sua casa embriagado e ameaçou matar a própria mãe na tarde de ontem, 24. A moradora disse que há algum tempo o filho está agindo de forma agressiva com os irmãos menores e o avô. O autor da ameaça deixou o local antes da chegada dos policiais. A PM realizou patrulhamentos, mas não conseguiu localizá-lo.