notícias

Motociclista morre em acidente na BR-376, em Ponta Grossa

Condutor de Honda Twister colidiu na traseira de um caminhão Mercedes Benz
Acidente ocorreu na BR-376, em Ponta Grossa. Foto: PRF/Divulgação
Um motociclista morreu em um acidente na BR-376, em Ponta Grossa, na noite de sábado, 5, por volta das 20h15. Jefferson Martin, de 27 anos, conduzia uma moto Honda Twister que colidiu na traseira de um caminhão Mercedes Benz, no quilômetro 496 da rodovia.

Jefferson não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Ele morava no bairro Ronda, em Ponta Grossa. A vítima não portava documentos e só foi identificada após dar entrada no Instituto Médico-Legal (IML) de Ponta Grossa. O condutor do caminhão não se feriu. Ele realizou o teste do bafômetro com resultado negativo para ingestão de álcool. Por isso, o caminhão foi liberado para o motorista. Já a moto foi recolhida ao pátio da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A Polícia Científica compareceu no local para realizar a perícia.

Em outro acidente na noite de sábado, 5, o condutor de um caminhão DAF foi detido após ser flagrado embriagado. Ele se envolveu em um acidente sem vítimas no quilômetro 501 da BR-376, em Ponta Grossa. O teste do bafômetro teve resultado de 0,57 mg/l de álcool no organismo. O motorista foi conduzido para a 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa.

Também na noite de sábado, 5, pai e filha ficaram feridos após capotamento na BR-376, em Ponta Grossa, por volta das 21h35. Eles ocupavam um veículo Peugeot que saiu da pista no quilômetro 500 da rodovia. As vítimas possuem 42 e 15 anos, respectivamente. Ambos foram encaminhados para o Hospital Bom Jesus, em Ponta Grossa, com lesões graves. O veículo foi liberado aos familiares.  O condutor não realizou o teste do bafômetro em virtude dos ferimentos.


Na madrugada de domingo, 6, outro condutor foi preso por embriaguez ao volante na BR-277, em Palmeira. Ele conduzia um veículo Gol, que saiu da pista no quilômetro 183 da rodovia, por volta das 4h10. O motorista não portava documentos. Questionado pela PRF sobre o que havia ocorrido, ele disse que seguia de Palmeira para Irati no momento que pisou no freio e perdeu o controle da direção. O automóvel parou em uma valeta ao lado da pista. O homem afirmou que havia ingerido bebida alcoólica em um bar em Palmeira.  Ele apresentava sinais de embriaguez como fala alterada, reflexos lentos e odor etílico, conforme a PRF. O teste do bafômetro teve resultado de 0,82 mg/l de álcool no organismo. Por isso, o motorista foi encaminhado para a Delegacia de Palmeira. O veículo estava com licenciamento vencido e foi recolhido ao pátio da PRF.