notícias

IML identifica corpo de rapaz que morreu afogado no lago do Parque Aquático

Alexander Grochovski, de 18 anos, trabalhava como auxiliar de produção. Polícia Civil investiga causas do afogamento
Alexander Grochovski morreu após se afogar no lago do Parque Aquático. Foto: Facebook/Reprodução
O Instituto Médico-Legal (IML) de Ponta Grossa identificou na noite de sexta-feira, 4, o corpo do rapaz que faleceu após se afogar no lago do Parque Aquático de Irati na tarde de quarta-feira, 2. Alexander Grochovski, de 18 anos, era natural de Teixeira Soares e trabalhava como auxiliar de produção em uma empresa de Irati. Ele residia em uma pensão na rua Nossa Senhora de Fátima, em Irati.

O jovem completaria 19 anos no próximo dia 30 de setembro. O corpo de Alexander foi reconhecido por sua mãe, que não conseguiu falar com ele por telefone e buscou ajuda. Ao ter acesso as fotos do afogamento, ela reconheceu o filho e foi até o IML para identificá-lo. O jovem foi velado no pavilhão da igreja São José Operário, na Linha B de Gonçalves Junior. Já o sepultamento ocorreu no Cemitério Ucraniano de Gonçalves Junior na manhã deste sábado, 5.

Segundo o Corpo de Bombeiros, um ciclista avistou a vítima, que estava se debatendo na água, e buscou ajuda. Em entrevista a nossa reportagem no dia do afogamento, a Comandante do Corpo de Bombeiros de Irati, Capitã Carla Adriana Spak Sobol, disse que a vítima estava submersa quando a equipe chegou ao local. “Foram realizadas buscas pelos sargentos Padilha e Thiopek, que conseguiram localizá-lo, mas ele já estava sem pulso. Foram realizadas manobras de ressuscitação cardiopulmonar e os procedimentos. Ele foi encaminhado ao Hospital [Santa Casa de Irati], mas infelizmente não houve sucesso e a vítima veio a óbito. Esta foi a situação repassada, ninguém viu como o rapaz entrou nem o que aconteceu antes dele já estar se debatendo, alguém ter visualizado e aí sim chamado o socorro”, disse Spak.

A Polícia Civil de Irati está investigando o caso.