notícias

Novos casos de Covid-19 são confirmados em Imbituva, Irati, Rebouças e Rio Azul

Imbituva e Irati tiveram mais cinco pessoas infectadas. Rio Azul registrou mais dois casos e Rebouças teve mais um morador contaminado
Vista de cima da cidade de Irati, que já teve 217 casos de coronavírus desde o início da pandemia. Foto: Bruno Fauat
Novos casos de coronavírus foram registrados nas cidades de Imbituva, Irati, Rebouças e Rio Azul, que pertencem a 4ª Regional de Saúde. Em Imbituva, mais cinco casos de coronavírus foram registrados nesta segunda-feira, 17. Todos foram detectados através de testes RT-PCR. Foram duas mulheres, de 38 e 44 anos, e três homens, de 27, 33 e 51 anos, infectados. Dois moradores contaminados tiveram contato com pessoas que já foram diagnosticadas com a doença e dois imbituvenses estiveram fora do município. Todos apresentaram sintomas leves e estão sendo monitorados em casa, assim como seus contatos.

Conforme a secretaria Municipal de Saúde, dois moradores de Imbituva estão internados. Um homem, de 44 anos, está em um leito de enfermaria da Santa Casa de Irati. Já um homem, de 39 anos, continua na enfermaria do hospital Regional de Guarapuava. Vinte e quatro pessoas aguardam resultados dos testes. Por isso, a Secretaria de Saúde de Imbituva reforça a importância dos munícipes continuarem mantendo as medidas de distanciamento social, bem como uso de máscara e álcool gel.


Desde o início da pandemia, Imbituva registrou 198 casos de coronavírus. 182 moradores se recuperaram da infecção, sete permanecem em isolamento domiciliar e dois estão internados. Sete imbituvenses morreram por complicações causadas pela Covid-19.

Em Rio Azul, a secretaria Municipal de Saúde confirmou mais dois casos de Covid-19 em testes rápidos. As duas pessoas do sexo feminino estão curadas. Elas tiveram contato com outras pessoas diagnosticadas com a infecção. Uma delas possui entre 15 e 19 anos e mora na área rural. O único sintoma relatado pela jovem foi coriza no fim de julho. Uma menina na faixa etária entre 1 e 5 anos também foi infectada. Ela teve febre no dia 1º de agosto. As duas rio-azulenses consultaram na unidade de gripe em frente ao hospital São Francisco de Assis e realizaram teste rápido nesta segunda-feira, 17, que confirmou a contaminação. Como já cumpriram o período de isolamento e não manifestaram sintomas, elas são consideradas recuperadas.

De acordo com a secretaria de Saúde de Rio Azul, o paciente do município que estava internado no hospital Regional de Guarapuava recebeu alta. O homem na faixa etária entre 70 e 79 anos havia recebido atendimento médico no hospital São Francisco de Assis, em Rio Azul, na terça-feira, 11, por complicações em seu estado de saúde. No mesmo dia, ele precisou ser transferido via central de leitos para o hospital Regional de Guarapuava.

Rio Azul já teve 32 moradores diagnosticados com a infecção. Dezenove rio-azulenses se recuperaram, 25 aguardam resultados dos exames, 37 estão sendo monitorados e 344 testes descartaram a contaminação.

Em Irati, mais três homens e duas mulheres foram diagnosticados com coronavírus, conforme o boletim divulgado hoje, 17, pelo Departamento de Vigilância Epidemiológica. Dos novos casos, três foram registrados na faixa entre 40 e 49 anos, um entre 10 e 19 anos e um entre 30 e 39 anos.
Irati agora soma 217 casos de coronavírus desde o início da pandemia. Três pessoas estão internadas, sendo um homem, de 47 anos, e duas mulheres, de 33 e 45 anos. Todos estão em leitos de enfermaria da Santa Casa de Irati. Quinze iratienses permanecem em isolamento domiciliar, 193 pessoas se recuperaram da infecção e seis morreram em decorrência da doença. O número de moradores aguardando resultado dos testes reduziu para 82.

No total, 124 mulheres e 93 homens tiveram Covid-19 em Irati. Na divisão por faixa etária, 19 crianças foram infectadas, sendo dez entre 0 e 5 anos e nove entre 6 e 9 anos. Dezesseis pessoas entre 10 e 19 anos também foram contaminadas. Vinte e nove casos foram registrados entre 20 e 29 anos. O maior número de registros continua sendo entre 30 e 39 anos com 55 casos contabilizados. Quarenta e oito pessoas foram diagnosticadas com a infecção entre 40 e 49 anos. Mais 22 iratienses foram infectados entre 50 e 59 anos. Quinze casos foram registrados entre 60 e 69 anos. Onze pessoas tiveram coronavírus entre 70 e 79 anos e duas acima de 80 anos. As duas últimas faleceram.

Já em Rebouças, o 17º caso de Covid-19 foi confirmado hoje, 17. Um jovem entre 18 e 20 anos, que reside na área rural, foi diagnosticado com a infecção em uma cidade de outra Regional de Saúde do Estado no início de agosto. Ele procurou o hospital de campanha desse município com sintomas gripais, como febre, tosse e dores no corpo. Lá, ele coletou o material swab e foi registrado como morador dessa cidade. O rapaz permaneceu em isolamento e acompanhamento no local da coleta. No fim de semana, ele voltou para sua residência. “Diante da informação repassada ao Serviço de Vigilância Epidemiológica de Rebouças, constatado o resultado reagente do mesmo em informações cruzadas entre os órgãos de vigilância, o paciente foi informado, orientado quanto a continuação do tratamento e cuidados no isolamento. Repassada todas as informações para continuação do manejo pela equipe de saúde responsável pela área”, informa o Departamento de Vigilância Epidemiológica de Rebouças. Segundo a secretária de Saúde, Tânia Selhorst, o paciente está na fase final do período de isolamento.

Até agora, Rebouças teve 13 pacientes curados de coronavírus. Três pessoas estão em recuperação e uma morreu em razão da Covid-19. Sete reboucenses aguardam resultado do teste laboratorial, 20 estão sendo monitoradas e 627 exames tiveram resultado negativo. Desses, 316 testes sorológicos e 296 RT-PCR descartaram a contaminação.

Em Guamiranga, o número de casos em investigação subiu para 27 nesta segunda-feira, 17. Os 13 moradores infectados na cidade já se recuperaram. 124 testes tiveram resultado negativo. Inácio Martins zerou o número de casos ativos da doença. Os 20 martinenses contaminados estão curados. Treze pessoas aguardam resultados dos testes e 248 casos foram descartados.

Já em Mallet, 21 moradores coletaram exames RT-PCR e aguardam resultados das análises laboratoriais. Até agora, a cidade teve 43 casos de Covid-19. Duas pessoas faleceram por complicações causadas pela infecção e 41 moradores se recuperaram. 604 casos foram descartados com resultados negativos dos testes. Foram 341 exames RT-PCR e 263 testes rápidos. Mais 15 casos foram descartados por critério epidemiológico.

No Paraná, a Secretaria de Estado da Saúde (SESA) registrou 1.258 novos casos e 42 óbitos pelo novo coronavírus. Todos estavam internados. Foram 18 mulheres e 24 homens com idades que variam de 42 a 96 anos. Dois óbitos ocorreram em julho (dias 25 e 30) e os demais entre 7 e 17 de agosto. Os pacientes residiam em Londrina (9), Curitiba (7), Paranaguá (5), Toledo (4), Palotina (3), Piraquara e São José dos Pinhais (2), Campo Largo, Cascavel, Colombo, Morretes, Paranavaí, Ponta Grossa, Quedas do Iguaçu, Ribeirão do Pinhal, Santa Cecília do Pavão e Três Barras do Paraná (1).
No total, o Estado já teve 105.184 casos e 2.704 mortes em consequência da infecção. Já o número de recuperados atingiu 65.102 pacientes (61,9% do total de infectados).

O Brasil registrou 775 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 108.654 óbitos. Já a quantidade de casos confirmados passou para 3.363.235 com a inclusão de 23.236 novos registrados. O número de recuperados é de 2.478.494 brasileiros.