notícias

Novos casos de coronavírus são confirmados em Rio Azul e Mallet

Mais dois rio-azulenses e um malletenses foram infectados. Cidades somam 19 e 43 casos da doença, respectivamente
Foto: Imagem ilustrativa
Os municípios de Rio Azul e Mallet registraram novos casos de coronavírus nesta sexta-feira, 7. Os dois rio-azulenses infectados moram na área rural. Uma mulher tem entre 40 e 50 anos e apresentou os primeiros sintomas dia 30 de julho. Na ocasião, ela teve cefaleia, espirros e coriza. O outro morador contaminado possui entre 50 e 60 anos e teve tosse, coriza, dor no corpo e diminuição de olfato e paladar no dia 27 de julho.

Os dois pacientes apresentaram resultado positivo no teste RT-PCR divulgado hoje, 7. Ambos não têm comorbidades e são contatos de outros rio-azulenses que tiveram a doença. Os dois infectados e seus familiares permanecem em isolamento domiciliar.

Com os dois novos casos, Rio Azul acumula 19 moradores infectados desde o início da pandemia. Dez pessoas estão recuperadas, 34 aguardam resultado dos testes, 45 permanecem em monitoramento e 278 casos foram descartados.

Em Mallet, o 43º caso de Covid-19 confirmado nesta sexta-feira, 7. Porém, a secretaria de Saúde não divulgou dados do sexo, idade e local que o morador reside. A cidade já teve 40 pessoas recuperadas e registra dois óbitos causados pela infecção. Dezoito moradores aguardam resultado dos exames, 19 estão sendo monitorados e 563 testes apresentaram resultado negativo.

Fernandes Pinheiro tem um caso ativo de coronavírus. No total, a cidade teve 19 munícipes diagnosticados com a doença. Dezessete pessoas se recuperaram e uma morreu em decorrência da infecção. Doze casos estão em análise aguardando resultado dos testes e 20 em monitoramento. 142 casos foram descartados com resultado negativo dos exames e 83 por critério epidemiológico.

Em Guamiranga, os 12 moradores infectados estão curados. Doze pessoas estão em investigação e 91 testes apresentaram resultado negativo. Inácio Martins prossegue com quatro casos ativos. Todos estão em isolamento domiciliar. Dezenove martinenses foram contaminados, sendo que 15 se recuperaram. Doze munícipes permanecem em investigação e 217 testes tiveram resultado negativo.

Rebouças também teve 12 casos de Covid-19. Oito pessoas estão curadas e quatro continuam em isolamento domiciliar se recuperando. Trinta e quatro reboucenses aguardam análise laboratorial e 88 estão sendo monitorados. 545 testes apresentaram resultado negativo, sendo 300 exames sorológicos e 245 RT-PCR.

Em Teixeira Soares, mais um morador está recuperado, totalizando 11 munícipes curados. Dois casos permanecem ativos e uma mulher morreu em virtude da infecção. O último caso foi diagnosticado na quinta-feira, 6. A mulher, de 38 anos, mora no centro da cidade e teve sintomas leves como coriza e tosse. Atualmente, permanece em isolamento domiciliar, assim como seus familiares que estão em investigação. A mulher foi diagnosticada com a infecção através de um teste RT-PCR.

Dezoito teixeira-soarenses aguardam resultados dos exames, 82 estão em monitoramento e 144 testes tiveram resultado negativo.

O prefeito Lula Thomaz pede aos moradores para comemorarem o Dia dos Pais de forma diferente evitando o contato para que não haja contágio de coronavírus. “Desejo a todos os papais, muita saúde e felicidades e pedimos as famílias neste momento de pandemia do Covid-19 que infelizmente vem sendo acentuado também em Teixeira Soares com casos crescentes que mantenhamos o isolamento domiciliar. Vamos confraternizar de uma diferente vamos deixar as visitas para mais tarde para quem sabe no ano que vem fazermos do modo tradicional. Não vamos perder o brilho e comemorar essa data tão importante. Desejo a todos os papais teixeira-soarenses muito saúde, muita paz, muitas felicidades, vamos lutar para mantermos a nossa saúde e principalmente a saúde de todos os pais nesse momento”.

Já o secretário de Saúde, Amauri Klossowski, enfatiza que as pessoas usem a criatividade e a tecnologia para diminuir a distância. Desta forma, ele pede que pais e filhos conversem por telefone, mensagens ou chamadas de vídeo evitando assim o deslocamento entre cidades. “Quem preferir visitar o pai deve usar máscara, manter o distanciamento e tomar todos os cuidados. Porque os pais são as pessoas mais sensíveis neste momento”, alerta Amauri.

Prudentópolis não tem casos ativos. Dos 58 casos confirmados, 57 pessoas se recuperaram e uma faleceu. Dezesseis prudentopolitanos aguardam resultado dos exames, 45 estão sendo monitorados e 534 testes descartaram a contaminação.