notícias

Jacopetti recebe homenagem de entidades do basquete paranaense

Federação Paranaense de Basquetebol e o Memorial de Basquete de Ponta Grossa relembram a trajetória do professor, que dedicou mais de 60 anos de sua vida ao basquete
Professor Jacopetti ao lado da esposa Altiva durante cerimônia de entrega da Colmeia de Ouro em 2015. Foto: Arquivo Pessoal
A Federação Paranaense de Basquetebol e o Memorial de Basquete de Ponta Grossa prestaram uma homenagem ao professor Antônio Alceu Jacopetti em postagem no fim de semana no Facebook. Em alguns slides, a entidade relembrou a trajetória e as conquistas do esportista que dedicou mais de 60 anos a serviço da modalidade.

“Realmente é muito difícil prestar uma homenagem com apenas quatro ou cinco slides, ao professor Jacopetti. Ele possui uma das mais ricas e vitoriosas histórias no basquete paranaense. São mais de 60 anos a serviço do nosso esporte no estado e no Brasil, formando atletas, mas acima de tudo cidadãos. Aliás, como ele gosta de dizer: “Antes da medalha no peito, a formação do cidadão!”, diz um trecho da postagem.

Jacopetti é natural da cidade de Itararé/SP. Em 1991, ele foi homenageado com o título de Cidadão Honorário de Irati. O professor é formado pela Escola de Educação Física e Desportos da Universidade Federal do Paraná (UFPR) em 1971, onde também concluiu os cursos de Técnico Desportivo em Basquetebol e Futebol. É Pós-Graduado em Educação Física Escolar e Educação Física Adaptada para Deficiência Física e Mental. Os dois cursos promovidos pela Universidade Gama Filho nos anos de 1991 e 1993. Como atleta integrou a Seleção Paranaense Universitária de Basquetebol nos Jogos Universitários Brasileiros, em 1969, em Brasília/DF e a Seleção de Basquete de Irati por várias décadas nos Jogos Abertos do Paraná. Na função de treinador foi campeão e segundo colocado várias vezes nas fases regionais dos Jogos Abertos do Paraná. Foi campeão estadual mirim masculino em 1976, 1978, 1984 e 1988, e campeão estadual pré-mirim em 1984.


Também conquistou o título paranaense de basquetebol feminino nos Jogos da Juventude do Paraná em 1991. Na oportunidade, o time obteve triunfos contra Apucarana, Maringá, Londrina e Curitiba na fase final. Jacopetti ainda foi técnico da Seleção Paranaense de Basquetebol nos Jogos Estudantis Brasileiros em 1987, em Campo Grande/MS, que foi vice-campeã nacional.

Em 2014, o professor foi homenageado como Técnico Honorário do Estado pela Federação Paranaense de Basquetebol. Essa solenidade teve as participações do presidente da Federação Internacional de Basquetebol (FIBA) Horácio Muratore e da ex-jogadora Hortência Marcari, que foi uma das principais atletas do País.

A Federação Paranaense de Basquetebol e o Memorial de Basquete de Ponta Grossa destacam na homenagem que Jacopetti sempre se preocupou com a saúde e bem-estar dos seus amigos. “Jacopetti sempre se emociona com cada amigo que está ou sai de algumas dificuldades que a vida os reservam, procurando assim, ajudar e motivar todos que se encontram em situação de risco”, enaltecem as duas entidades, que também fizeram questão de lembrar da importância da companheira de Jacopetti, sua esposa Altiva, que sempre está ao seu lado. “Companheira, mãe e avó dedicada, que merece também todo o nosso carinho e respeito por adotarem Irati para educar e formar bons filhos, netos e cidadãos iratienses”. 

Em 2015, Jacopetti recebeu o prêmio Colmeia de Ouro da Academia de Letras, Artes e Ciências do Centro-Sul do Paraná (ALACS). A honraria é entregue anualmente as pessoas que se destacaram nas artes, ciências ou letras.

Após Jacopetti compartilhar a homenagem em sua página no Facebook, várias pessoas que foram alunos e colegas do professor o parabenizaram pelo trabalho desenvolvido em prol do esporte.
“Mais que merecida está homenagem professor. Grande exemplo para nós. Admiramos muito você pela tua integridade, cuidado, sempre com comprometimento em tudo que faz e já fez. Glória a Deus pela sua vida, admiramos muito você”, disseram Mauricio e Gisele Gotlieb.

“Parabéns Professor! Homenagem justíssima!!! Professor Jacopetti é uma referência histórica do esporte em minha vida! Preservo as melhores lembranças no basquetebol de Irati, as amizades, jogos, viagens, aprendizado! Tempos maravilhosos!!! Um forte abraço do 64!”, escreveu Fabio Pedro.
“Reconhecimento muito mais que merecido por toda sua história e dedicação pelo basquete!”, afirmou Silvia Sedoski.

Texto: Rodrigo Zub

Confira mais fotos da homenagem