notícias

Com morte de reboucense, 4ª Regional de Saúde soma 21 óbitos em virtude do coronavírus

Homem, de 80 anos, permaneceu sete dias internado. Idoso foi o terceiro reboucense que faleceu por complicações causadas pela doença
Boletim de coronavírus divulgado nesta terça-feira, 25, pela secretaria de Saúde de Rebouças. Foto: Divulgação
A secretaria de Saúde de Rebouças confirmou o terceiro óbito causado pelo novo coronavírus. Um homem, de 80 anos, que tinha comorbidades como diabetes, insuficiência cardíaca e doença pulmonar obstrutiva crônica, morreu em virtude da infecção.

Segundo informações da secretária de Saúde, Tânia Selhorst, o paciente estava internado na Santa Casa de Irati desde o dia 16 de agosto. No dia seguinte, ele coletou material e apresentou resultado negativo no exame RT-PCR. O reboucense, que residia no interior do município, permaneceu hospitalizado e fez uma segunda coleta de exame no sábado, 22. No domingo, 23, ele piorou seu quadro de saúde e faleceu por complicações causadas pela doença. Porém, o resultado do segundo teste só foi divulgado nesta terça-feira, 25. Dessa vez, o exame teve resultado positivo.

Tânia ressalta que não houve velório do morador. O corpo dele seguiu direto para o sepultamento seguindo os protocolos sanitários. Conforme a secretária, mais três familiares do idoso testaram positivo para a Covid-19.


A secretária de Saúde salienta que o teste RT-PCR deve ser realizado entre o terceiro e o quinto dia após o aparecimento dos sintomas. Depois desse período, a recomendação é realizar o teste rápido indicado após o sétimo dia dos primeiros sintomas. Nele é possível identificar se a pessoa já foi contaminada ou adquiriu anticorpos.

Esse foi o terceiro morador de Rebouças que faleceu pela Covid-19. As outras vítimas foram duas mulheres, de 61 e 89 anos, respectivamente. A cidade já teve 22 casos de coronavírus. Dezenove munícipes se recuperaram e três morreram. Sete pessoas aguardam resultados da análise laboratorial, 24 estão sendo monitorados atualmente e 672 testes tiveram resultado negativo. Foram 331 exames sorológicos e 341 RT-PCR que descartaram a contaminação.

A 4ª Regional de Saúde soma 21 óbitos em virtude da infecção. Sete pacientes residiam em Imbituva e Irati, três em Rebouças, dois em Mallet e um nas cidades de Fernandes Pinheiro e Teixeira Soares.