notícias

Fernandes Pinheiro multará quem não usar máscara e não cumprir toque de recolher

Pessoas diagnosticadas com Covid-19 que descumprirem isolamento também podem responder legalmente por crime contra a saúde pública. Município confirmou nono caso de coronavírus
Uso da máscara é obrigatório conforme lei estadual. Quem descumprir a determinação será multado. Foto: Divulgação
O município de Fernandes Pinheiro irá multar quem descumprir as normas de prevenção contra o coronavírus. Já as pessoas diagnosticadas com Covid-19, que forem pegas desrespeitando o isolamento social, poderão responder legalmente por crime contra a saúde pública.

As multas serão aplicadas a pessoas que não estiverem usando máscara ou não obedecer o toque de recolher a partir de 20h em estabelecimentos de serviços não essenciais. “A partir de agora estaremos multando pessoas em estabelecimentos que descumprirem as ordens. Temos multas para pessoa física e multa para pessoa jurídica, empresas, estabelecimentos que descumprirem o decreto municipal”, explicou a secretária de Saúde de Fernandes Pinheiro, Emanuelle de Matos.

O valor das multas poderá variar de acordo com cada caso. Em pessoas físicas, o valor poderá ser de R$ 32,51 a R$ 162,55. Em pessoas jurídicas, o valor é maior, podendo ser de R$500 a R$ 5 mil. A pessoa ou estabelecimento será orientado e a cada reincidência do descumprimento o valor poderá dobrar.

As pessoas com Covid-19 que desrespeitam o isolamento responderão legalmente por crime contra a saúde pública por estar disseminando o vírus diante desta pandemia. “O que temos visto é que as pessoas pegam o atestado e aquelas pessoas que tem os sintomas mais leves, principalmente, acabam não respeitando esse isolamento e acabam saindo de casa. Estamos tendo essa dificuldade, tivemos até que fazer algumas visitas com apoio da Polícia Militar para que nos dê esse suporte, que ajude a orientar e que as pessoas percebam que realmente é uma questão de saúde”, explica a secretária.

Dez casos confirmados

Fernandes Pinheiro confirmou mais dois casos de coronavírus nas últimas horas. Ontem, 8, um jovem, de 24 anos, que mora na área urbana, foi diagnosticado com a doença. Já nesta quinta-feira, 9, uma mulher, de 37 anos, testou positivo. Os dois moram na área urbana e possuem relação de parentesco com o terceiro paciente infectado. Desta forma, já são oito pessoas da mesma família contaminadas. O município já confirmou dez casos de Covid-19. Desses, uma moradora está recuperada e um óbito foi registrado em decorrência do coronavírus. Quatorze moradores aguardam resultado do exame, 30 pessoas estão sendo monitoradas e 58 testes apresentaram resultado negativo. 74 casos foram descartados por critério epidemiológico.

De acordo com a secretária, os familiares não moram na mesma residência, mas costumavam se reunir em almoços. “Temos oito pessoas da mesma família que estão com o vírus. Algumas quase saindo do período de isolamento, mas ainda cumprindo o isolamento domiciliar. Outros aguardam o resultado dessa mesma família. As pessoas são da mesma família, mas nem todas residem na mesma residência. Eles tinham o hábito de se reunir para almoçar, fazer refeições junto e acabaram tendo a contaminação familiar”, comentou.

Orientação

Além do respeito às normas de prevenção, a orientação da Secretaria de Saúde de Fernandes Pinheiro é que as pessoas procurem a Unidade Básica de Saúde assim que forem diagnosticadas com qualquer sintoma respiratório ou de gripe como tosse, febre, coriza, dor de cabeça ou dor de garganta.

As pessoas passarão por uma consulta e serão avaliadas. Segundo a médica Ana Beatriz de Meira, nem todos os casos precisam realizar testes segundo protocolos do Ministério da Saúde e da Secretaria Estadual de Saúde (SESA). “Os testes têm indicação de serem realizado em todas as pessoas que tiverem sintomas respiratórios. Pessoas que possam ter tido tosse, coriza, nariz escorrendo, dor de garganta, dor de cabeça, sintomas relacionados à gripe e que possa ter tido contato com alguma pessoa que é possível suspeito ou confirmação de coronavírus. A princípio pessoas que tenham tido contato com casos suspeitos ou confirmados de coronavírus, e estiverem sem nenhum sintoma, não há a indicação da realização do teste, apenas a observação. A princípio dos 14 dias a contar da data do contato e se a pessoa não desenvolver nenhum sintoma não há necessidade de orientação do teste”, relata.

Quem for diagnosticado com Covid-19 terá que ficar em isolamento social, em um cômodo separado do restante de familiares que testaram negativo para covid-19. Será necessário o cuidado com a higiene e utensílios compartilhados, além do cuidado com o uso do banheiro. O paciente diagnosticado receberá todas as informações de enfermeiros e médicos sobre os procedimentos corretos.
Horário de funcionamento

Nas Unidades de Saúde Básica (UBS) da Sede e da comunidade do Angaí há médico todo o dia. Já os postos de saúde de apoio do interior de Fernandes Pinheiro estão recebendo a equipe de enfermagem apenas uma vez por semana.

O horário de atendimento da UBS é das 8 às 17h, de segunda-feira a sexta-feira. Na sede, há o horário estendido das 17 às 22h, de segunda-feira a sexta-feira, e aos sábados e domingos das 8 às 17h.

A Secretaria Municipal de Saúde também disponibilizou números de telefone para a população buscar informação. Os números também podem ser usados para enviar mensagens pelo WhatsApp. Os telefones são (42) 3459-1192, na Sede, e (42) 3459-5053, no Angaí.