notícias

Confira a situação da Covid-19 em Irati e região

Irati, Fernandes Pinheiro e Prudentópolis registraram novos moradores infectados. Guamiranga e Mallet diminuíram número de casos ativos
Imagem aerea de Prudentópolis. Foto: Prefeitura de Prudentópolis/Facebook
Os municípios de Irati, Fernandes Pinheiro e Prudentópolis registraram novos casos de coronavírus.
Em Fernandes Pinheiro, a secretaria de Saúde confirmou o 18º morador diagnosticado com a doença no domingo, 26. A mulher, de 30 anos, mora no interior do município e teve sintomas como dificuldade para deglutir, cefaleia, tosse seca, vômito, perda de olfato e fraqueza. Ela teve contato com uma pessoa de outra cidade diagnosticada com a infecção, de acordo com a secretária Municipal de Saúde, Emanuelle de Mattos. A moradora de Fernandes Pinheiro coletou o material no dia 21. O resultado positivo foi divulgado ontem, 26.

Fernandes Pinheiro tem 15 pacientes recuperados da Covid-19. Um homem morreu em decorrência da infecção. A cidade conta com 31 moradores em investigação aguardando resultado dos exames e 33 pessoas em monitoramento. Até agora, 110 casos foram descartados com resultado negativo do teste. Outros 83 casos foram descartados por critério epidemiológico.

A secretaria de Saúde de Fernandes Pinheiro informa que a unidade da sede do município funciona de segunda a sexta das 8 às 22 h. Nos sábados e domingos, o atendimento é das 8 às 17 h. Os telefones para contato são 3459-1153 ou 3459-1384. A unidade do distrito de Angaí funciona de segunda a sexta das 8 às 17 h. O telefone para contato é 3459-5053. O setor de vigilância epidemiológica também atende de segunda a sexta das 8 às 17 h. O número de telefone com WhatsApp para esclarecimentos de dúvidas é 9-9855-6861.
Em Irati, o município registrou três novos casos de Covid-19 nesta segunda-feira, 27. Um homem e duas mulheres foram contaminados. Um dos novos casos foi diagnosticado em um jovem entre 10 e 19 anos, um entre 40 e 49 anos e um entre 60 e 69 anos. Mais três pessoas se recuperaram. Com isso, a cidade totaliza 133 moradores contaminados desde o início da pandemia. Desses, 102 moradores estão curados, 25 permanecem em isolamento domiciliar, três pessoas estão internadas, sendo duas em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e uma em um leito de enfermaria. Um homem, de 61 anos, está na enfermaria da Santa Casa de Irati. No mesmo hospital está uma mulher, de 61 anos, sob ventilação mecânica. Já um homem, de 81 anos, permanece no Hospital Regional de Telêmaco Borba. Três iratienses morreram em razão do coronavírus. 85 pessoas aguardam resultados dos exames.

Irati registra 68 mulheres e 65 homens infectados desde o início da pandemia. Por faixa etária, o maior número de casos está concentrado na faixa etária entre 30 e 39 anos com 34 pessoas diagnosticadas com a doença. Mais 27 iratienses foram contaminados entre 40 e 49 anos. São 22 pessoas que contraíram a doença entre 20 e 29 anos. Treze moradores foram diagnosticados com Covid-19 na faixa etária entre 10 e 19 anos. Mais 12 pessoas tiveram diagnóstico positivo entre 50 e 59 anos. Onze iratienses foram infectados entre 60 e 69 anos. Dez crianças também tiveram a doença, sendo três com idade entre 0 e 5 anos e sete entre 6 e 9 anos. Mais quatro idosos foram contaminados, sendo dois entre 70 e 79 anos e dois acima de 80 anos.

Em Prudentópolis, um novo caso de coronavírus foi confirmado nesta segunda-feira, 27. A mulher, de 34 anos, reside na área urbana e apresentou sintomas leves. Ela está em isolamento domiciliar. Conforme a secretaria de Saúde, a moradora realizou um teste RT-PCR analisado pelo Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen). Prudentópolis já teve 57 pessoas infectadas. Uma mulher morreu e 55 se recuperaram da infecção. A cidade ainda conta com 12 moradores aguardando resultado dos testes e 33 em monitoramento. 456 casos foram descartados com resultado negativo do teste.

Em Mallet, o boletim divulgado nesta segunda-feira, 27, mostra que a cidade teve mais cinco pessoas recuperadas. Desta forma, já são 30 curados desde o início da pandemia. A cidade teve 37 registros da doença e conta atualmente com cinco casos ativos. Dois malletenses morreram por complicações causadas pela infecção. Trinta moradores aguardam resultado dos exames, 35 estão sendo monitorados e 16 foram descartados por critério epidemiológico. Desde março, 473 casos foram descartados com resultado negativo dos exames, sendo 230 testes rápidos e 243 RT-PCR. Nos últimos quatro meses, 556 pessoas foram notificadas com síndromes gripais.

Em Rebouças, as sete pessoas que tiveram Covid-19 se recuperaram. Dez reboucenses aguardam resultado dos testes e 34 estão sendo monitorados. Até o início da semana, 475 testes tiveram resultado negativo, sendo 294 sorológicos, que detectam a presença de anticorpos no organismo, e 181 RT-PCR, que identifica a presença do vírus.

Em Guamiranga, o município teve mais três pacientes curados nos últimos dias, totalizando nove recuperados. A cidade soma 11 diagnósticos positivos da doença desde o início da pandemia. Duas pessoas estão sendo monitoradas, 23 em investigação e 63 casos foram descartados, de acordo com o último boletim divulgado nesta segunda-feira, 27.

Em Inácio Martins, segundo informações da prefeitura, já foram confirmados 12 casos de Covid-19. Onze martinenses estão recuperados e um permanece em isolamento. Atualmente, 24 pessoas estão em monitoramento aguardando resultado do teste e 150 pessoas foram liberadas da quarentena desde março. 112 testes tiveram resultado negativo, sendo 85 RT-PCR e 27 testes rápidos.

Já em Rio Azul foram diagnosticados dez casos de coronavírus, sendo o último do prefeito Rodrigo Solda, que teve resultado positivo do teste RT-PCR no domingo, 26. O gestor está em isolamento domiciliar. Ele apresentou sintomas leves como coriza, dor de cabeça, febre e tosse.

Seis rio-azulenses se recuperam da infecção. Quarenta e quatro pessoas aguardam resultado dos testes, 185 estão sendo monitoradas e 188 casos foram descartados, segundo informações do boletim da secretaria Municipal de Saúde.

Em Imbituva, o último boletim foi divulgado na sexta-feira, 24. Até então, a cidade tinha registrado 176 casos de coronavírus, com 152 pessoas recuperadas, 19 em isolamento domiciliar e uma internada. Quatro imbituvenses morreram em decorrência da doença.

No Paraná, a Secretaria de Estado da Saúde (SESA) contabilizou mais 779 novos casos da doença e 32 mortes. Todos estavam internados. Foram 15 mulheres e 17 homens, com idades que variam de 29 a 98 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 2 e 27 de julho. Os pacientes que faleceram residiam em Curitiba (10), Fazenda Rio Grande, Paranaguá, Pinhais e Piraquara (2). Uma morte foi registrada nos municípios de Almirante Tamandaré, Arapongas, Campo Largo, Campo Mourão, Colombo, Curiúva, Foz do Iguaçu, Manoel Ribas, Marilena, Marquinho, Matinhos, Ponta Grossa, Porto Barreiro e São José dos Pinhais. O monitoramento da SESA registra 725 casos de residentes fora do Paraná, sendo que 21 pessoas morreram. O total de recuperados no Estado é 30.892, o que corresponde a 45,9% do total de infectados.

O Paraná soma 67.276 diagnósticos positivos e 1.682 óbitos em decorrência da Covid-19. A quantidade de pacientes internados com coronavírus é de 1.053. Já a de pessoas aguardando resultado dos testes é de 1.086.

O Brasil registrou 685 mortes nesta segunda-feira, 27. Com isso, a média de falecimentos nos últimos sete dias é de 1.069. O total de vítimas da Covid-19 chegou a 87.737. As secretarias estaduais de Saúde registraram mais 26.496 casos da doença em todo o Brasil, o que eleva o total de infectados para 2.446.397. O número de recuperados passou para 1.667.667.