notícias

Prefeitura de Irati define novos horários de funcionamento do comércio e de bares

Novos horários passam a valer a partir de segunda-feira, 15. Já a interdição de praças, parques e ginásios de esportes públicos entra em vigor imediatamente

Da Redação, com informações da Secretaria de Comunicação


Imagem da esquina das ruas Munhoz da Rocha e XV de Novembro, na área central de Irati. Foto: Jussara Harmuch
A prefeitura de Irati definiu novos horários de funcionamento do comércio e de bares e similares a partir da semana que vem. As medidas visam evitar o contágio de coronavírus (Covid-19). Até essa quarta-feira, 10, a cidade havia registrado nove pessoas infectadas e quatro recuperadas da doença.

Conforme o decreto 183/2020, o comércio em geral e prestadores de serviços poderão funcionar das 9 às 17h de segunda a sexta-feira. Já nos sábados, o atendimento será das 9 às 13h. Bares e similares poderão atender até 18h. As exceções são estabelecimentos alimentícios em geral, postos de combustíveis, farmácias e academias.

O transporte público também terá alteração no horário para os idosos, que são um dos grupos de risco da Covid-19. O horário do passe livre para os idosos será das 9 às 12h de segunda a sexta-feira. O uso não será permitido nos finais de semana e feriados.



Para evitar aglomerações de pessoas, as praças, parques e ginásios de esportes públicos serão interditados. Guarda Municipal, Polícia Militar e Vigilância Sanitária vão verificar se a medida estará sendo cumprida. O toque de recolher permanecerá em vigência das 21 h até 6 h do dia seguinte. Nesse horário, as pessoas só poderão circular nas ruas se estiverem se deslocando do local de trabalho para casa ou vice-versa e ainda para algum estabelecimento considerado essencial.

Todas as determinações entram em vigor na segunda-feira, 15. Já o fechamento de academias ao livre, praças com brinquedos infantis e outros espaços de uso público municipais são válidos a partir desta quarta-feira, 10.

Na tarde de hoje, o prefeito Jorge Derbli, a secretária de Saúde, Jussara Aparecida Kublinski Hassen, o enfermeiro Agostinho Basso, que coordena a Sala de Situação de Risco da Covid-19, o secretário de Segurança, Cláudio Adão e o Provedor da Santa Casa, Ladislao Obrzut Neto, se reuniram com representantes do comércio local no salão nobre da prefeitura. Na ocasião, eles discutiram formas de ampliar o rigor no controle ao distanciamento das pessoas que frequentam os estabelecimentos.

Prefeito Jorge Derbli e representantes da saúde de Irati se reuniram com empresários nesta quarta-feira, 10. Foto: Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Irati

Derbli mostrou preocupação com o fato da população estar relaxando e não cumprindo os decretos municipais que visam evitar aglomerações, que acontece no período de aumento do número de casos confirmados de coronavírus no município.

O decreto 183 cobra maior rigidez dos comerciantes nas entradas dos estabelecimentos, principalmente mercados, para que somente uma pessoa por família tenha acesso ao local. Crianças menores de 12 anos não poderão entrar nos mercados. A determinação segue deliberação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA).

Os proprietários dos estabelecimentos deverão manter as filas organizadas dentro e fora do imóvel, além de verificar se os clientes estão obedecendo a distância mínima de dois metros, conforme solicita o prefeito.
Se a fila estiver para fora, eles são obrigados a manter o distanciamento das pessoas fora, nas ruas, calçadas e passeios. Dentro dos estabelecimentos, no caso dos supermercados, as filas nas padarias, açougues e outros pontos, são de responsabilidade da direção do mercado para organizar este distanciamento.
Derbli pede que a população colabore no cumprimento de todas estas determinações.
Precisamos que o nosso povo nos ajude e colabore. Se tivermos um aumento drástico dos casos de Covid-19 em Irati, teremos que tomar outras atitudes que com certeza ninguém vai gostar. O fechamento do comércio, nesta época e nesta situação econômica que vivemos não só em Irati mas no Brasil inteiro seria drástico para todo mundo, e não queremos tomar esta atitude.
Derbli esclarece que nenhum setor do comércio está sendo fechado neste momento. Ele solicita que todos continuem adotando as medidas de prevenção ao coronavírus e respeitando os decretos municipais.
Espero a colaboração de todos, porque precisamos cuidar da saúde do nosso povo