Publicidade Topo

notícias

Homem rouba botijão de gás P13 de residência

Autor do roubo chegou a brigar com o proprietário da casa e seu filho. Ladrão ameaçou as vítimas com uma chave de rodas

Da Redação


Imagem ilustrativa
Um homem roubou um botijão de gás P13 de uma residência na localidade de Bugio, no interior de Rebouças. O autor do crime chegou a brigar com o proprietário da casa e seu filho. A ocorrência foi registrada no início da madrugada de domingo, 3, por volta da meia-noite.

O dono do imóvel relatou que acordou com latidos dos cachorros. Ao sair da residência, ele foi surpreendido por um homem trajando roupas e boné escuros. O ladrão estava carregando uma chave de rodas e pediu dinheiro para o morador. Em seguida, ele empurrou a vítima para dentro da sua casa. Lá, ambos entraram em luta corporal. O filho do proprietário da casa também se envolveu na briga. Depois de pegar um botijão de gás, o autor do roubo deixou o local a pé. Policiais militares realizaram patrulhamentos, mas não conseguiram localizá-lo. As vítimas foram orientadas para procurarem a Polícia Civil de Rebouças para registrarem a ocorrência.

Em Rio Azul, a PM atendeu três ocorrências no sábado, 2. Na rua das Orquídeas, um homem danificou o para-brisa de um veículo Gol, que apresentou problemas mecânicos. Policiais haviam recebido a informação que uma mulher estaria agitada e ameaçando moradores com uma faca. Porém, a equipe constatou que a mulher não portava nenhuma arma branca. A proprietária do carro disse que conhecia o autor do dano, que não foi localizado pela PM.


Em outra situação, uma mulher ameaçou uma idosa, de 78 anos. A filha da mulher ameaçada compareceu no Destacamento da PM para comunicar o fato. A autora teria dito que lugar de velho é no inferno e ameaçou matá-la.

Já na manhã de sábado, 2, uma mulher disse que foi agredida pelo concunhado. O agressor teria usado uma chaleira para atingir a vítima, que sofreu um ferimento nas costas. Policiais foram até a casa do suspeito, mas ele negou que tivesse cometido a agressão.

O homem disse que a mulher foi até a sua casa e pediu para que ele deixasse sua enteada comprar um celular dela. O morador afirmou que não concordava e pediu para a mulher deixar o local. Em virtude do fato, os dois discutiram. Porém, o homem negou que tenha agredido a concunhada. Os dois envolvidos na ocorrência foram encaminhados para a Delegacia de Rebouças.